Lideranças políticas e do setor devem comparecer à feira
Solenidade de inauguração da Feovelha ocorre na sexta-feira
Publicado em 29/01/2020

Rural

Foto: Carlos Eduardo Nogueira/Especial FS

Atividade está marcada para as 14h

A 36ª Feovelha, que inicia amanhã, no parque Charrua, além de ser um tradicional espaço para comercialização de exemplares ovinos e valorização das genéticas produzidas nos criatórios gaúchos, também é um importante evento para divulgação de políticas para o segmento. Historicamente, a inauguração da feira atrai lideranças políticas do Estado e, do setor, que oportunamente, aproveitam a ocasião para anunciar ações para a ovinocultura.

Neste ano, o evento de inauguração acontece na sexta-feira, a partir das 14h. O representante da junta governativa do Sindicato Rural de Pinheiro Machado, Paulo Roberto Burgo Alves, comentou que várias lideranças políticas deverão comparecer à atividade. Representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; da Farsul; do governo do Estado e deputados gaúchos estarão presentes ao evento. “A Feovelha historicamente é um palco para criação e anúncio de políticas voltadas à ovinocultura. Um programa estadual de ovinocultura foi lançado nela, entre outras medidas a favor do segmento. Isso demonstra a força desse evento não só para a economia de Pinheiro Machado,  mas para o Estado e o país”, enfatiza o dirigente.

Rematão: números superiores a 2019

Logo após a cerimônia de inauguração da Feovelha, começa o grande evento comercial da feira: o Rematão. Até o momento, cerca de 3,5 mil animais estarão em pista. O número já é maior do que o registrado em 2019, quando foram inscritos 2,2 mil exemplares, porém com as fortes chuvas que assolaram a região em janeiro do ano passado, foram levados ao parque 1 512 animais. O faturamento do Rematão gerou um lucro superior a R$ 440 mil. O total em vendas da Feovelha 2019 foi de R$ 768 885,00, com a venda de 1 650 animais, resultando em um acréscimo de mais de 42% nas médias gerais.

Erramos

Diferente do que foi publicado na edição de terça-feira, o nome da segunda princesa da corte da Feovelha deste ano, chama-se Thalyra Azambuja e, não Thalya, como foi publicado.

Deixe sua opinião