SOCIAL - 15 DE OUTUBRO
Publicado em 15/10/2019

Social

Foto: Divulgação/FS

Eduarda Machado, 1ª Prenda do CTG Sentinela da Fronteira

UMA LÁGRIMA E UM SORRISO. “Prefiro que minha vida permaneça uma lágrima e um sorriso: uma lágrima que purifique meu coração e me faça compreender os mistérios e segredos da vida, e um sorriso que me aproxime dos meus semelhantes e simbolize minha glorificação aos deuses...
Prefiro morrer de muito desejar a viver na indiferença. Quero sentir nas minhas profundezas a fome pelo amor e a beleza, pois observei e verifiquei que os satisfeitos são os mais infelizes dos homens e os que mais se assemelham à matéria inanimada; e escutei e descobri que os gemidos de saudade do apaixonado são mais embaladores que as melodias dos violinos. (...).” Gibran

DEIXANDO Khalil Gibran, vamos ao ponto. Rolou um rio de lágrimas, quando Lúcia Antônia Bezerra de Melo comunicou a todos que pretendia se afastar definitivamente do Grupo Pianistas de Bagé; isto significaria o encerramento das atividades musicais dos Pianistas, em momento promissor do grupo. Agora, vieram os sorrisos, quando o insuperável Wagner Brasil deu a boa nova de que a telefônica Claro vai patrocinar o concerto do Grupo Pianistas de Bagé, dia 30 de novembro, na Sociedade Recreio Gramadense; evento que foi incluído na programação oficial do Natal Luz e também nas comemorações dos 60 anos da cidade de Gramado. Aplausos!    

COM certeza, “A valsa do adeus”, livro de Milan Kundera, publicado em 1972, editado no Brasil pela Nova Fronteira - ainda guardo meu exemplar em formato de brochura com 224 páginas – tem tudo a ver com a história centenária do Clube Comercial de Bagé. O romance de Kundera se passa em uma pequena cidade da Tchecoslováquia. Então, por que não promover a “Valsa do Adeus”, festa-baile de encerramento das atividades sociais no Clube Comercial? Os clubes de Rotary e de Lions e a Liga de Combate ao Câncer juntos num superevento como aqueles de antes no Comercial. Gostaram da ideia? 

POR falar nele, alguém bem informado me contou que o empresário (caixa alta) Claudinho Pereira desistiu da compra do Clube Comercial porque não poderia modificar o interior do prédio que é tombado na cor vermelha. Agora, resta saber se a igreja (será a rica Universal?) vai comprá-lo ou também desistiu do negócio pelo mesmo motivo. O Conselho Municipal de Patrimônio Histórico de Bagé (Compreb) está acompanhando tudo de perto, mais atento que nunca. Fui claro?

OITAVA edição do Veste Rio encerrou-se sexta-feira (4), no Píer Mauá, tendo como pano de fundo de uma intensa programação fashion, a deslumbrante vista da Baía de Guanabara. Quem foi assistir a tudo, as Karam Kalil: Michele, Gárdia e Tânia, que estão convidando para evento na loja MG, dia 5 de novembro, apresentação da coleção verão que está chegando aí, sempre apoiando o Grupo Amor Solidário. Um luxo!

CIRCULAM em sociedade os convites para festa de casamento de Raquel Kalil Alencar e Alexandre Hendler, que vão trocar alianças dia 16 de novembro, às 18h, no Vila Toscana. Ela é filha de Rosane Nocchi Kalil Alencar e Meton Not Alencar; ele, de Maria e Nildo Hendler. Esta será uma ocasião de gente bonita, bem vestida e superdivertida. Aplausos!

XI Jornada Odontológica”, de 22 a 25 de outubro; patrono, odontólogo Bóris Delabary. Homenageado especial, Lauri Bernardi. Quem preside a ABO (Bagé) é Tânia Mara Gomes Bispo... CASA DA AMIZADE, nesta quinta-feira, chá mensal organizado pelo grupo das bromélias.  

Como atração da tarde, acessórios e perfumaria Nory-Boutique... HOMENAGEADOS pela ABEA como “Destaques do Ano “engenheiros agrônomos: Hartmut Hubert e Paulo Ricardo Ebert Siqueira. Aplausos!

DIA DO PROFESSOR, 15 de outubro: “Um professor sempre será melhor que o Google. Porque o professor não dá uma informação, conta histórias. Porque o professor funciona mesmo sem Wi-Fi, mesmo sem luz, mesmo no temporal. Porque o professor não facilita a busca, exercita a memória. Porque o professor não cria dependência, mas possibilita amizades. Porque o professor pode mudar o destino de um assunto, voltar atrás, recomeçar de novo, dependendo das necessidades da turma. (...)." Fabrício Carpinejar

 

SEXTA-FEIRA (4), o prefeito Manoel Machado compareceu ao ato de entrega de computadores (três) na Biblioteca Otávio Santos. O prefeito Machado é sempre muito respeitoso e educado em seus pronunciamentos. Aliás, isso faz lembrar o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, também muito cortês com todos.  Em Roma, no sínodo da Igreja Católica, Mourão e a sorridente Paula participaram da solenidade de canonização da Irmã Dulce, na praça de São Pedro.... AH, o livro “Irmã Dulce, a Santa dos Pobres”, editora Planeta, escrito pelo jornalista Graciliano Rocha, já está na Leb. Aplausos!   

 

Deixe sua opinião