No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Progen avalia edição do "Dia do bom negócio"
Publicado em 22/08/2019

Rural

Foto: Alexandre Teixeira/Especial FS

Desfile de reprodutores é uma das atrações do evento

Aconteceu no sábado, em Dom Pedrito, a 14ª edição do “Dia do Bom Negócio”, atividade promovida pela Progen, com a empresa Alta. Como de costume, na ocasião, em pista, foram apresentados touros inéditos. Mais de 700 pessoas de várias cidades do Rio Grande do Sul e Santa Catarina participaram do evento, que é tradicional no Estado. Durante o Desfile de Reprodutores, foram apresentados 35 touros, das raças Angus, Red Angus, Hereford, Braford, Brangus, Red Brangus e Charolês. Os clientes e parceiros puderam acompanhar de perto a qualidade genética dos touros, com as melhores condições de compra e negociação.
Conforme os organizadores, o destaque do evento foi a consistência da bateria de touros deste ano, aliada à excelente apresentação dos mesmos.
No Desfile, também foram apresentados os touros Concept Plus e os novos Concept Plus, o programa que identifica com precisão os touros com as melhores taxas de concepção no campo.  A progen destaca que a utilização de touros Concept Plus propicia ao cliente obter maior eficiência reprodutiva, com resultados de alta confiabilidade e facilmente percebidos no campo.

Na abertura da programação, o médico veterinário e professor da Ufrgs, Júlio Barcellos, proferiu palestra com o tema "As estratégias da pecuária de corte para aumentar a eficiência da cria ao abate: novos mercados, novas oportunidades". Júlio atua como pesquisador da cadeia produtiva de carne bovina há 35 anos.

O diretor da Progen, Fábio Barreto, ressalta que o evento tem foco comercial, sendo um dia excelente para realizarem bons negócios, e tem também como objetivo compartilhar conhecimentos sobre genética e demais informações com produtores, pesquisadores, estudantes e técnicos. "Tivemos um crescimento de 43% em volume de doses comercializadas no recinto neste ano, demonstrando que o produtor está confiante na tendência de aquecimento do mercado", comenta Barreto.

Deixe sua opinião