Por um ano mais promissor
Publicado em 31/12/2019

Editorial

O ano de 2019 chega ao final marcado por lutas, crise financeira e muitas incertezas com relação ao amanhã. Começa 2020, o ano de eleição municipal. Grande maioria dos trabalhadores brasileiros quer esquecer 2019 e pensar no próximo, que seja mais promissor na geração de emprego e na recuperação da economia. Em outubro, milhares de eleitores irão às urnas escolher os gestores municipais e vereadores. Os municípios são à base de sustentação do país.

Os servidores públicos estaduais do Rio Grande do Sul começam o ano sob o jugo do parcelamento de salário e com muitas incertezas em relação as suas carreiras; em janeiro, a Assembleia Legislativa vota o pacote de projetos do governo de Eduardo Leite, que mexe com a vida de milhares de trabalhadores. São muitos os desafios e se espera mais do campo econômico e político. Mais resultados por parte dos políticos eleitos e mais retorno por parte do poder público em termos de serviços para a sociedade é o que se espera. Mesmo diante de um cenário que não foi favorável para muitos, neste ano que passou, é importante se preparar para o que inicia. Pensar nos principais objetivos, bem como estar preparado para possíveis adversidades e trabalhar com motivação e persistência no estabelecimento de metas é imprescindível. A construção da história se dá pelo trabalho de cada um e cada uma; ou seja, com os pés no chão, porque nada acontece se não houver empenho e determinação. É com esse pensamento que a equipe do jornal Folha do Sul deseja um feliz e promissor ano-novo aos assinantes, leitores e anunciantes.

 

Deixe sua opinião