No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Informação e segurança
Publicado em 23/03/2020

Editorial

O mundo passa por um profundo e trágico momento em sua história. Poucas gerações viram algo semelhante. No século passado, tivemos duas grandes guerras mundiais e a gripe espanhola que ceifaram a vida de milhões. O objetivo deste editorial não é estimar que algo semelhante acontecerá ou difundir a sensação de medo. Mas é preciso reiterar que todos nós precisamos agir com responsabilidade para com nossos atos.
Em Bagé, a realidade com o Covid-19 é semelhante a qualquer outra cidade que almeja vencer esse vírus. Para isso, é imperativo respeitar as determinações impostas pelas autoridades governamentais; manter-se em isolamento social e adotar como prática habitual a "etiqueta da higiene". Além disso, é importante não propagar ódio e revolta por redes sociais, nem disseminar fake news; enfim, tomar atitudes conscientes e pró-ativas, que reforcem a empatia, a solidariedade e o auxílio para quem convive próximo ou distante de nós.
Imbuído desse sentimento, o jornal Folha do Sul, assim como demais outros veículos de comunicação do Brasil, mantém suas atividades, atendendo o princípio básico de seu ofício que é o de informar leitores, assinantes, internautas e a comunidade de Bagé e região.  Contudo, é requisito maior atuar com responsabilidade social. Afinal, assim como nas demais empresas, no Folha do Sul atuam colaboradores de redação; da entrega dos exemplares impressos; do setor administrativo; das vendas e assinaturas; todos são cidadãos que mantêm vínculos com familiares e amigos. 
Portanto, para que as notícias continuem chegando a vocês, mas de forma que se respeitem os protocolos de saúde, foram organizados alguns procedimentos. Ou seja, todos os colaboradores, de alguma forma, estão atuando para que o jornal permaneça em circulação impressa e, também, prossiga atualizando a comunidade com notícias e vídeos no site e nas redes sociais do diário. Assim, como outros setores da sociedade, que não podem parar nesse momento difícil, a imprensa séria continuará buscando informar a todos, mas zelando em seu preceito maior que é o da dignidade e o respeito para com o ser humano. De resto, fique em casa, pois tudo irá passar!

Deixe sua opinião