Emendas beneficiam Saúde e Desenvolvimento Regional
Publicado em 19/11/2019

Política

Foto: Divulgação/FS

Os 81 senadores apresentaram 663 emendas ao Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2020, com pouco mais de R$ 1,290 bilhão de indicações de despesas ao Orçamento 2020. De acordo com reportagem da Agência Senado, a área mais beneficiada foi a Saúde, com 162 emendas e R$ 726,1 milhões em recursos, seguida pelo desenvolvimento regional, com 58 emendas e R$ 150,5 milhões, e Educação, com 77 emendas destinando R$ 101,1 milhões aos projetos do ministério. A pasta que menos recebeu recursos de emendas individuais foi o Ministério das Relações Exteriores, apenas R$ 500 mil.
Cada parlamentar pode apresentar até 25 emendas ao PLOA de 2020, desde que a soma não ultrapasse R$ 15,9 milhões. O partido que mais direcionou emendas ao Orçamento — por ter mais parlamentares — foi o MDB. Com uma bancada de 13 senadores, destinou R$ 207,2 milhões em dotações, seguido pelo Podemos, com 11 senadores e emendas que somam R$ 175,3 milhões.

Deixe sua opinião