No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Dirad inaugura primeiro aparelho de Ressonância Magnética Digital da Região Sul
Publicado em 27/10/2012

Vitrine Empresarial

por Jéssica Pacheco e Rochele Barbosa

Na noite de quinta-feira, 25, a Clínica Dirad reuniu autoridades do Poder Público e profissionais da área de saúde para a inauguração do Brivo 1,5 Tesla da General Eletric. O aparelho de Ressonância Magnética Digital é o primeiro em toda Região Sul e começou a oferecer exames neste mês.
De acordo com a gerente da clínica, Mara Sandra Araújo, o equipamento, aumenta a magnitude da imagem, qualificando o diagnóstico de estrutura do corpo humano e patologias. Está instalado anexo à Santa Casa. “O local de instalação permite que os pacientes internados no hospital tenham fácil acesso ao exame, inclusive, vale destacar, que para estes pacientes são oferecidos todos os convênios disponíveis pela Santa Casa, inclusive o Sistema Único de Saúde”, relata Mara. Pela clínica, convênios como IPE, Unimed, entre outros, também estão disponíveis.
Mara Araújo ressalta que até o funcionamento do aparelho, o ambiente e a parte técnica de instalação passaram por diversas etapas e, para que fosse possível realizar o funcionamento, profissionais e empresas locais foram chamados para executar o trabalho. Além destas, técnicos da GE vieram até o município para acompanhar o processo.
A clínica conta com 11 funcionários, a parte de ressonância magnética fica a cargo da médica especialista Alice Araújo, com um técnico em radiologia e um de enfermagem. Os outros sócios proprietários são os médicos radiologistas Leandro Santos, Luiz Alberto Araújo e César Lucas.

Entenda a ressonância magnética
A ressonância magnética é um exame para diagnóstico por imagem que retrata imagens de alta definição dos órgãos através da utilização de campo magnético. A ressonância magnética não utiliza radiação, porém uma vez que o aparelho tem um potente campo magnético é preciso tomar cuidado para o que não utilizar durante o exame como: joias, objetos metálicos, maquiagem e outros.
O paciente de exame de ressonância magnética é orientado a ficar deitado e estático. Movimentos do impossibilitam a captação de imagens precisas e geralmente um movimento de mais de três milímetros inutiliza os dados. O problema da movimentação afeta todos os clientes, porém é mais acentuado em crianças e pacientes com algumas condições como doença de Alzheimer, esquizofrenia e outras.

A clínica está no mercado desde 2007 e atende de segunda à sexta-feira das 8h às 12h e das 14h às 18h.  No sábado o atendimento é apenas pela manhã, das 8h às 12h. O endereço é na rua Gomes Carneiro, anexo à Santa Casa de Caridade de Bagé. O e-mail é radibage@alternet.com.br e o telefone (53) 242-0210.

Deixe sua opinião