Comissão de Fiscalização do SindiSaúde fará outra assembleia
Publicado em 01/05/2013

Geral

Após a assembleia geral, realizada no dia 27 de março, e do afastamento por unanimidade da presidente Maria Conceição Prestes, o SindiSaúde terá nova assembleia geral na próxima semana.
De acordo com Rafael Duarte de Menezes, integrante da comissão, após a criação da comissão e da notificação do afastamento, a presidente teria tomado posse do prédio do sindicato. “Fizemos, inclusive, boletim de ocorrência, pois ela não tomou como verdadeiro o  resultado da primeira assembleia. Já encerramos as investigações e encontramos mais irregularidades”, relata.
Para o diretor-presidente da Federação dos Empregados da Saúde do Rio Grande do Sul, Milton Francisco Kempfer, a situação é complicada. “Fomos informados do problema que ocorreu no sindicato de Bagé. Estamos dando assessoria à comissão. Com certeza este tipo de desvio é uma perda para a categoria, que poderia estar buscando melhorias para os associados”, enfatiza.
Meneses explica que a assembleia do dia 6 de maio, será o momento de prestar contas. “Tanto presidente como vice-presidente já foram notificadas, e terão o espaço para realizar a prestação de contas da entidade. Caso não sejam explicadas as contas, votaremos a exclusão das duas do SindiSaúde”, enfatiza.
A reportagem tentou contato com a presidente Maria Conceição Prestes. Mas até o final desta edição ela não foi encontrada.

Deixe sua opinião