No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Bagé vence o 12 Horas e consolida campanha invicta na Copinha
Publicado em 14/10/2019

Esportes

Foto: Luisy Ferraz/ Especial FS

Esse foi o último jogo da primeira fase

Não foi só a sensação térmica de 41°C que aqueceu a tarde de sábado em São Leopoldo. O jogo entre Grêmio Esportivo Bagé e Esporte Clube 12 Horas ferveu o estádio Cristo Rei, com diversos jogadores passando mal em razão do calor. Fora isso, o time Jalde-negro consolidou a campanha invicta com dois gols de Leo Bahia no segundo tempo, o que encerra a primeira fase da Copa Seu Verardi com a melhor participação entre as 20 equipes participantes e os inquestionáveis 83,3% de aproveitamento.
Às 15h04min, a bola começou a rolar no Cristo Rei. Logo no primeiro minuto, uma falta cobrada para dentro da área deu a oportunidade para Rômulo balançar a rede para o Bagé, contudo, o lance foi considerado impedimento pelo juiz. Até os 12 minutos, o time Jalde-negro dominava o gramado. O time do 12 Horas começou a pressionar com chutes fortes de fora da área na primeira oportunidade que encontravam. Em um dos lances, aos 37 minutos, o chute forte de Michel bateu no travessão do gol de Medina, o que quase abriu o placar em São Leopoldo.
O time do técnico Badico teve o controle da bola o tempo inteiro, inclusive, chegou diversas vezes à área. O camisa três do Bagé, Matheus, foi um dos protagonistas da partida onde criou as melhores oportunidades de gol no primeiro tempo. Entretanto, o goleiro Riquelme, do 12 horas, não estava colaborando com o time Jalde-negro. Ele defendeu uma bola importante de Matheus na frente da área. Como o calor estava extremo, diversos jogadores passaram mal e houve uma pausa técnica durante a partida.

O Bagé estava bem aberto, investiu tanto no toque de bola curto quanto nas jogadas longas da defesa para o ataque. O 12 Horas, por sua vez, estava mais proposto a lances de frente para área, com chutes fortes nos cantos superiores.

No segundo tempo, os dois times fizeram as substituições. No Bagé, Souza deu lugar a Fernandinho; saiu Romulo e entrou Léo Bahia, troca assertiva do técnico Badico, pois não só Fernandinho voltou muito bem aos gramados após uma lesão, como Léo Bahia emplacou dois golaços.

O 12 Horas teve alguns contratempos com o número das camisetas dos jogadores, o que dificultou saber os nomes dos atletas. Aos 10 minutos, entraram Gustavo Silva e Igor Oliveira.
Com mais pressão no segundo tempo por parte do 12 Horas, o time de Rivelino Gonçalves ficou mais com a bola no pé, algo atípico no primeiro tempo. Entretanto, sem muito sucesso, pois Léo Bahia não foi para bobear. Aos 31 minutos, o lance era escanteio, a bola subiu e Leo Bahia emplacou o gol. Nove minutos depois, Vinicius, pela direita, deixou o adversário na saudade e colocou a bola na cabeça do centroavante, que tirou do goleiro.
Os dois times classificaram para a segunda fase, o Bagé em primeiro lugar do grupo A com 20 pontos; o 12 Horas ficou em quarto lugar com quatro pontos.

Além disso, o Jalde-negro tem a defesa menos vazada do campeonato e obtém o melhor aproveitamento com 83,3%. Durante a primeira fase, foram seis vitórias e dois empates, 15 gols marcados e somente um tento sofrido. A segunda fase será mata-mata; os confrontos serão sorteados pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF), na semana que vem. Os primeiros e segundos lugares serão colocados em um pote; os terceiros e quartos em outro. O Jalde-negro terá a vantagem de jogar a segunda partida em casa.

Resumo

GE Bagé 2 x 0 EC 12 Horas – Copa Seu Verardi – 10a Rodada – 12.10.2019

Estádio Cristo Rei – São Leopoldo/RS

GE Bagé – Medina, Talyson, Matheus Freitas, Galo, Cristian; Souza (Fernandinho), Vinicius e Vitor; Rômulo (Léo Bahia); Salib (Ednei) e João Felipe (Wallan Luan).

Treinador – Rinaldo Costa (Badico)

12 Horas – Riquelme, Luís Teixeira, Henrique Silva, Igor; Luan Bica, Volnei Junior, Adriano, Jailson, Michel; João Pedro e Alisson.

Treinador – Rivelino Gonçalves

Arbitragem – Francisco Dias, auxiliado por Júlio César Espinoza e Gustavo Silva. Quarto árbitro: Michel Meireles Flores. Delegado: José Ronei Ferreira.

Gols – Léo Bahia (2) (GE Bagé).

 

Deixe sua opinião