No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Bagé empata com o Lajeadense no primeiro jogo das oitavas
Publicado em 21/10/2019

Esportes

Foto: Luisy Ferraz/ Especial FS

Vinicius foi o autor do gol do Bagé

       

O jogo foi disputado no estádio Alviazul em Lajeado. Diversas faltas e cartões amarelos definiram a primeira partida das oitavas de final entre Grêmio Esportivo Bagé e Clube Esportivo Lajeadense. O placar de 1 a 1, e o jogo de volta no estádio Pedra Moura podem dar a vantagem para o Jalde-negro na decisão que acontece, nesta quinta-feira, às 20h. O time Alviazul estava com vontade de jogo, tanto que abriu o placar em Lajeado, com o camisa 9 Wallace. Entretanto, o que parecia estar perdido até o início do segundo tempo, foi salvo por Vinicius camisa 11 do Bagé, com um chute sem chances para o goleiro Vitor.

A bola começou a rolar às 18h30min. O Bagé iniciou com um jogo defensivo, o que já é característico do time; o Alviazul, mais adiantado, pressionava na saída de bola. Logo nos primeiros minutos da partida, o Lajeadense abriu o placar com Juninho Arcanjo de cabeça, porém o lance foi visto como impedimento pelo juiz. As chegadas bruscas por parte dos jogadores do Bagé, resultaram no primeiro cartão amarelo para Denis.

O time da casa deu trabalho para o goleiro Medina, que foi o protagonista da disputa no primeiro tempo. Aos 23 minutos, uma tabela pela direita de Juninho Arcanjo e Gleison, quase deixou Wallace de frente para o goleiro Jalde-negro, que espalmou a bola. O Bagé não apresentou lances de perigo na primeira parte, a bola mal chegada ao centroavante Leo Bahia, artilheiro do Bagé na primeira fase. Fernandinho tentava, mas não tinha sucesso nas investidas de bola para Leo Bahia. Ele só conseguiu o segundo cartão amarelo do Bagé na partida aos 24 minutos.

A diferença de 12 pontos na tabela na fase classificatória da Copinha, não pareceu um problema para o time Alviazul. Isso porque, aos 37 minutos, Wallace mesmo pressionado pela zaga do Bagé conseguiu marcar o primeiro gol para o Lajeadense. Leo Bahia recebeu o terceiro amarelo da disputa.  Já Wallace, autor do primeiro gol do Alviazul, ganhou o primeiro amarelo do time de Lajeado.

 Até confusão deu no final do primeiro tempo entre o jogador Ariel camisa 26 do Lajeadense e os atletas do Bagé. O lance polêmico foi porque, Ariel teria “debochado” de um jogador Jalde-negro, em um lance de falta, o que resultou em cartão amarelo para o 26, na volta do segundo tempo.

Na segunda parte, a situação começou a mudar em Lajeado. Badico mexeu no time, tirou Fernandinho e colocou Vitor; Gustavinho e Edinei deram lugar para Matheus e Wallan; mais para o final do jogo Leo Bahia deu lugar ao estreante Edson Magal;  também saiu Vinicius e entrou Galo. No lado do Alviazul, o time do técnico Wallace Lemos começou o segundo tempo com a mesma escalação; mudou durante a partida quando saiu Ariel e entrou David; Mano deu Lugar a Clayton e Bruno  a Juninho.

O Bagé começou a reagir nos 45 minutos restantes. Bastou a primeira jogada de perigo para que Vinicius, do Bagé, deixasse o goleiro Vitor sem chances aos 15 minutos do segundo tempo.

O jogador Moises, do Bagé, recebeu o quarto amarelo do time, seguido por Emílio. No Alviazul, Clayton desgovernado atropelou o goleiro Medida, em um lance que começou em uma jogada de falta, e ficou com o terceiro amarelo.

Tudo igual no estádio Alviazul. O resto da partida foi como diz o ditado, "bola para o mato que o jogo é de campeonato".  Fim de jogo em Lajeado.

O resultado não favorece nenhum dos dois times, porque não haverá gol qualificado, então se na somatória simples de gol houver empate, a vaga para as quartas de final será definida nos pênaltis.

                                                                     

 

Resumo

GE Bagé 2 x 0 CE Lajeadense – Copa Seu Verardi – oitavas de final– 20.10.2019

Estádio Alviazul – Lajeado/RS

GE Bagé – Medina, Denis, Emilio, David, Moises; Edniei (Wallan), Rogerinho e Gustavinho (Matheus); Leo Bahia (Edson Magal) ; Fernandinho (Wallan) e Vinicius (Galo).

Treinador – Rinaldo Costa (Badico)

Lajeadense– Vitor, Mano (Clayton), Dadalt, Nilo; Nailson, Mateus, Gleison, Bruno Camilo(Juninho); Wallace, Juninho Arcanjo e Ariel (David).

Treinador – Wallace Lemos

Arbitragem – Marcelo Cavalheiro, auxiliado por Henrique Soares e Rodrigo Silveira de Vargas. Quarto árbitro: Antonio Augusto Barreto. Delegado: José Glauber Azevedo Marques.

Gols – Wallace (1) (Lajeadense); Vinicius (1) (GE Bagé)

 

 

Deixe sua opinião