No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Agricampanha avalia assembleia extraordinária e divulga capacitação
Publicado em 17/08/2019

Rural

Foto: Divulgação/FS

Associação abordou prestação de contas e informou sobre curso relacionado à aplicação do 2,4-D

Como divulgado na semana passada, a Associação dos Agricultores da Região da Campanha (Agricampanha) promoveu, recentemente, uma assembleia extraordinária para tratar de diversos temas da entidade, bem como de questões relacionadas ao setor produtivo. Conforme o presidente da Agricampanha, Gesiel Porciuncula dos Santos, a atividade foi muito positiva, com a participação dos sócios, mas que também contou com o ingresso de novos sócios e de novas empresas que passaram a integrar a entidade. "Fizemos a prestação de contas da associação e também realizamos a captação da anuidade da entidade, pois ficamos 17 meses sem fazer a cobrança dela, então tivemos uma boa adesão e uma proveitosa reunião com todos os presentes", comenta o dirigente. 
Conforme Santos, a Agricampanha está em tratativas para firmar uma parceria público-privada com a Embrapa local. Outro tema discutido no encontro, foi a realização de um curso que se refere à aplicação correta e da compra do herbicida 2,4-D. O tema é considerado estratégico para a entidade, pois a capacitação passa a ser obrigatória para adquirir o 2,4-D e também aplicá-lo, visto que a má utilização dele em alguns casos, provocou problemas para outras culturas produtivas na região.  "Dessa forma, Agricampanha, em parceria com a Agroeffective, vai oferecer nos dias 20 e 21, um curso de 16 horas para os sócios. Isso porque esse curso agora é uma exigência do Ministério da Agricultura, então conseguimos essa capacitação para os nossos sócios, pois houve um curso oferecido pelo Senar, através da Farsul, mas com poucas vagas. Assim, houve esse esforço para conseguir trazer esse curso para Bagé, para capacitar os produtores, e essa ação está motivando também a adesão de novos sócios", detalha Santos. 

Deixe sua opinião