Adolescente baleada em Dom Pedrito não resistiu ao ferimento
Publicado em 07/03/2020

Segurança

Foto: Portal Qwerty/Especial FS

Menina de 14 anos foi atingida na perna

No final da tarde de quinta-feira, a Polícia Civil e a Brigada Militar de Dom Pedrito cumpriram um mandado judicial contra um criminoso. O alvo da operação era uma residência no Beco da Punhalada, bairro Santa Terezinha, na Capital da Paz. As informações são do portal de notícias Qwerty. Logo após a polícia chegar ao local e tentar abordar o criminoso, ele sacou uma arma de fogo e efetuou disparos que foram revidados pelos agentes.  Emanuelle Lemos Simões de Lima, 14 anos, passava de bicicleta nas proximidades e foi atingida por um tiro. Na confusão, o bandido conseguiu fugir. A adolescente foi socorrida pelos policiais militares e levada em estado grave para o pronto-socorro de Dom Pedrito, com um ferimento em uma das pernas que, segundo apurado pela reportagem do Qwerty, teria atingido a artéria femoral.
Em razão da gravidade do quadro e da falta de atendimento especializado no município, a vítima foi transferida para a cidade de Pelotas. Porém, ela morreu enquanto era transportada para a Princesa do Sul, onde receberia atendimento especializado.
A reportagem do jornal Folha do Sul fez contato com o delegado André de Matos Mendes, que está responsável pela Delegacia de Dom Pedrito. Ele informou que, ontem, a investigação foi para o local fazer alguns levantamentos e aguardar o Instituto-Geral de Perícias (IGP) para realização da perícia. “A gente já identificou alguns pontos de impacto em edificações. Temos informações, ainda extraoficial, de que a munição extraída da vítima seria  de calibre não utilizado nem pela Polícia Civil e nem da Brigada Militar. Iremos fazer as investigações necessárias para apurar a autoria”, disse o delegado.

Deixe sua opinião