A Pandemia e o apoio da PRF e voluntários aos caminhoneiros de todo país
Publicado em 28/03/2020

Segurança

Foto: PRF/Especial FS

Solidariedade feita em momento de crise pela pandemia

Com dificuldades de encontrar estabelecimentos abertos para refeições, profissionais do volante recebem marmitas e lanches em ações solidárias; materiais de higiene também est ão sendo distribuídos. Em meio à crise, gerada pela pandemia do coronavírus, exemplos de solidariedade vêm se espalhando às margens das rodovias federais de todo o país. O objetivo é dar apoio aos profissionais do volante, que não podem seguir a orientação de não sair de casa e enfrentam nas estradas o drama de não ter como se alimentar e tomar os cuidados necessários para a prevenção da doença.

Sensibilizados, dezenas de voluntários preparam marmitas, lanches e kits de higiene e buscam na Polícia Rodoviária Federal (PRF) o apoio para que a ajuda chegue aos caminhoneiros. E esse apoio tem vindo de policiais rodoviários de todas as regiões do Brasil. Quando a gravidade da emergência faz estabelecimentos às margens das BRs fecharem suas portas, os postos PRF têm se tornado ponto de parada quase que obrigatória para quem precisa se alimentar.

As mãos desses profissionais que se estendiam para a entrega de documentos aos policiais, hoje recebem a comida e o material para higienizá-las; tudo tão necessário para quem precisa ficar atento às medidas de prevenção do Covid-19, mas que não pode segui-las à risca e deixar de seguir a viagem. Para muitos deles, os quilômetros ainda a serem percorridos serão mais tranquilos, pela esperança de que mais adiante outros policiais, cercados de pessoas dispostas a ajudar, irão abordá-los.

Para policiais, entidades e voluntários, mais do que solidariedade, a iniciativa é uma forma de reconhecer a importância que têm os caminhoneiros especialmente neste contexto de emergência. É na carroceria dos veículos de carga, guiados por esses profissionais, que seguem o alimento, o remédio, o combustível, o oxigênio hospitalar e diversos materiais de primeira necessidade essenciais a toda população. É o serviço necessário de que precisa a sociedade para vencer os desafios que o combate ao inimigo invisível impõe.

A PRF informa que, neste momento, as ações são promovidas por voluntários e, por essa razão, não é possível determinar em quais unidades da PRF esse apoio será dado aos caminhoneiros e o quantitativo de alimentos e kits de higiene que serão distribuídos. O órgão alerta ainda para a importância de que os voluntários acionem a PRF antes de qualquer mobilização desse tipo nas rodovias federais, para que seja dado o apoio necessário com o objetivo de evitar aglomerações e prevenir acidentes.

Deixe sua opinião