Ferrugem e Osso (França, Bélgica - 2012)
Publicado em 24/05/2013

Ricardo Beleza

E-mail:
Cidade: Bagé / RS
Jornalista e crítico de cinema
Ricardo Beleza

Filme

Foto: Divulgação/FS

Drama dirigido por Jacques Audiard.
Alain (Matthias Schoenaerts) está desempregado e vive com seu filho Sam (Armand Verdure), ele arranja um emprego de segurança em uma casa noturna e, lá, conhece Stéphanie (Marion Cotillard) após salvá-la de uma confusão. Stéphanie é uma treinadora de baleias Orca e durante uma apresentação acaba sofrendo um acidente.
Filme muito competente adaptado a partir de um conto do canadense Craig Davidson. Fala basicamente de superação e aceitação de duas pessoas que em outras circunstâncias dificilmente teriam algum envolvimento. A atriz francesa Marion Cotillard, que já ganhou um Oscar de Melhor Atriz no filme “Piaf - Um hino ao amor”, de 2007, executa um trabalho bárbaro interpretando Stéphanie. O corpulento belga de origem flamenga, Matthias Schoenaerts, se sai bem no papel do bruto Allain, tendo ganhado o prêmio César de ator promissor por esta interpretação. Gostei muito deste filme não só pela história inédita, mas também pelo acabamento impecável da produção, desde alguns efeitos especiais até as cenas em que Cotillard contracena com as Orcas.

Deixe sua opinião