Coluna Social Gilmar de Quadros 1986
Publicado em 06/12/2012

Gilmar de Quadros

Cidade: Bagé / RS
Colunista social
Gilmar de Quadros

Aplausos

Foto: Divulgação/FS

Jorge Luiz de Oliveira da Silva, autor de Assédio Moral no Ambiente de Trabalho

SUPER LIDO, artigo de Marcelo Guidoux Kalil, compartilhado na internet entre bageenses, sob título “Orgulho de Bagé” . Em alguns trechos diz assim: Bagé, cidade símbolo do pampa gaúcho, terra de tradições fortes, de história e arquitetura marcantes, tem uma grande carência: orgulho próprio. Não o orgulho vazio e superficial de se achar melhor que os outros, esse é dispensável, mas sim aquele de quem valoriza o que é seu, aceita suas características e defende o que é melhor para toda comunidade (...). Exemplos não faltam, e tudo isso acontece há décadas. Mais recentemente temos visto o nosso comércio tradicional, dar lugar ao das franquias. Desapareceram: Casa Carioca, Bazar da Moda, Casa Kalil, Deiro Materiais de Construção, Supermercados Vigil, Dalé e Curinga, perderam espaço para grandes redes. (...) O problema de perder o comércio tradicional bageense não é meramente uma questão de orgulho, passa a ser perda de qualidade de vida. Perdemos, pois todo dinheiro que antes circulava em Bagé, passa a ser remetido para os centros financeiros dessas empresas. Os bageenses deixam de ser proprietários de seus próprios negócios e passam a meros funcionários e gerentes das que vêm de fora. Perdem a independência de ter um comércio personalizado e pessoalizado, feito sob medida para atender a população de Bagé e passam a ter um comércio pasteurizado e impessoal, e igual ao de qualquer outra cidade. E é claro, um hipermercado como BIG não é apenas uma ameaça para seus concorrentes diretos, os supermercados Nicolini e Peruzzo, mas também é uma ameaça para todo e qualquer tipo de comércio que venda os mesmos produtos: fruteiras, minimercados, lojas de informática, eletrodomésticos, papelarias, ferragens e por aí vai. A avenida Sete de Setembro e o centro da cidade como um todo correm o risco de ficar mais decadentes: quanto mais lojas fecham as portas, menos gente circulando nas ruas - o ambiente perfeito para a prática de crimes. (...)
 
GIORGIS NO INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO DO RS. A Assembleia Geral de Associados do Instituto Histórico e Geográfico do Estado elegeu, na terça-feira 27/11, e por unanimidade, o desembargador José Carlos Teixeira Giorgis, coordenador do Memorial do Judiciário, para integrar a instituição na qualidade de Membro Efetivo. O Instituto Histórico tem por finalidade promover estudos e investigações sobre História, Geografia, Arqueologia, Filologia, Antropologia e campos correlatos de conhecimento, principalmente centrados no Rio Grande do Sul. A instituição preserva a memória rio-grandense por meio de fundos documentais e acervos bibliográficos que servem, também, para embasar as investigações e a construção de massa crítica sobre seu objeto de trabalho. Ao ser comunicado pelo Dr. Miguel Espírito Santo, presidente da entidade, Giorgis se disse honrado e afirmou que perseguirá ali os mesmos sonhos de Tarcísio Antônio Costa Taborda e Paulo Brossard. A posse de Teixeira Giorgis será em março. Aplausos!

NA TARDE de hoje, a direção da Casa da Amizade se reúne com as demais associadas para a última  confraternização do ano. Haverá a tradicional brincadeira da “amiga secreta” e também homenagem às vencedoras do Glamour/2012. São elas: Tatiana de Vargas Ollé, Glamour Baby e Luana Harm, Glamour Jeans, uau!
 
ESTOU concluindo leitura de: ASSÉDIO MORAL NO AMBIENTE DE TRABALHO, de Jorge Luiz de Oliveira da Silva, juiz auditor da Justiça Militar. Em alguns trechos, o autor, mestre em Direito Público e Evolução Social, faz um intrigante trabalho investigativo, coisa de jornalista. Uma leitura agradável, interessante, atual. Em capítulos bem explicados, uma síntese de todos os estudos sobre o assunto feitos por Jorge Luiz. O assédio moral no trabalho é uma conduta abusiva, intencional, repetitiva que visa diminuir, vexar, humilhar, desqualificar, constranger e demolir psiquicamente um indivíduo ou grupo. A situação degrada as condições de trabalho atingindo a dignidade do trabalhador colocando em risco sua integridade pessoal e profissional durante o exercício de suas funções. Para o autor são condutas negativas, relações desumanas e aéticas, de um ou mais chefes dirigida ao subordinado, desestabilizando a relação da vítima com o ambiente de trabalho e a organização. O assédio moral não é assédio sexual, (pág. 49). O constrangimento moral pode surgir do nada, por exemplo, funcionários de lojas que são “obrigados” pelo empregador a varrer, lavar, tirar o pó... Quem se interessar pelo assunto corram à LEB e comprem esse livro que, repito, é muito interessante. 
 
COM LANÇAMENTO previsto para quarta-feira (12), SABORES SEM SEGREDOS, livro que Cenir Mendes Costa vai autografar, às 20h, Casa de Cultura Pedro Wayne... FOI na Pedro Wayne, a sessão de autógrafos de Márcia Resende Duro Mello em “ Um aroma de rosas”, livro de poesias que tem apresentação de Jerônimo Jardim. Aplausos!  
  
SABIAM que já começaram a chegar indicações ao Bravo e ao Mérito 2013? Isso mesmo! O troféu Maria Anunciação Gomes de Godoy caberá ou ao Grupo Amor Solidário ou ao de Apoio à Pediatria da Santa Casa; ambos merecem, será decisão muito difícil de tomar, meus queridos!
 
O ALMOÇO oferecido pela direção do Pão dos Pobres de Santo Antônio da Catedral aos velhinhos lá assistidos será na próxima quarta-feira (12); todos podem e devem contribuir com um Natal a eles que tanto o merecem... ESPETÁCULO de balé, acadêmica Viva Vida, dia 16, no ginásio Auxiliadora. Produção, Ana Paula Almeida; direção, Mara Rúbia Menezes Pêgas. Aplausos!
 
BACANAS esses cursos que O BOTICÁRIO oferece nas lojas franquiadas às clientes que querem aprender tudo sobre a arte e os segredos da maquilagem. O curso se realiza em quatro módulos de duas horas cada um deles. Até certificado de participação e uma apostila contendo tudo o que foi ensinado, uau!... UM BOM LIVRO, recém lançado pelo roteirista, ator, cineasta e artista plástico Neville d´Almeida: A DAMA DA INTERNET, prefácio de Ricardo Amaral, editado pela Casa da Palavra. Esse livro deve virar filme em 2013, ele narra uma história de amor, traição e sensualidade, num jogo de vingança e prazer.
 
VOCÊ está pensando em ir ao Natal Luz, em Gramado? Então, precisa saber que o espetáculo vai se realizar até dia 13 de janeiro, e está sob coordenação da Prefeitura de Gramado, através da Secretaria de Turismo.  A novidade maior deste ano é o show Korvatunturi; um espetáculo que desvenda os mistérios da origem do Natal e do mundo místico de Korvatunturi, uma terra longínqua. Este show é apresentado na FAURGS. A direção de figurino é de Marlene Prawer Peccin. Imperdível!

AMANHÃ, o governador do estado visitará Bagé. Tarso Genro e comitiva vêm participar da inauguração da sede da Coordenadoria Regional da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio que se instala agora no casarão da Marechal Floriano, 1128. O secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi, será o anfitrião, assessorado por grande estafe, entre eles Hera Santos. Aplausos!

A MUCHO GUSTO, da Susana Muñoz, é um sucesso. Fica ali na Dr. Penna, 131. As encomendas de tortas, receitas uruguaias, para Natal e Ano Novo podem ser feitas pelo 3312-0302... NA INAUGURAÇÃO da Casa Hermosa, sexta-feira, Elvira (Mercinha) Nascimento sugeriu mais um abraço afetivo àquele prédio que é um dos mais imponentes da cidade. Todos  concordaram com ela e "a causa do abraço", é claro. Aplausos!        

Deixe sua opinião