No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Diversas 81376
Publicado em 21/02/2019

George Teixeira Giorgis

George Teixeira Giorgis

Segundo nossos preciosos arquivos, em 23-abril-1.951, no Forum de Bagé, realizaram-se as eleições bienais para escolher a nova diretoria da OAB local. 22 causídicos participaram do pleito: Drs. Herodiano Camboim, Paulo Tavares Costa, Telmo Candiota da Rosa, Nazeazeno d'Almeida, João Manoel Budó, Paulo Tuiuty Camargo, Paulo Thompson Flôres, Hipólito Lucena, Carlos Fico, Alencastro Jacintho Pereira, Oswaldo Moraes, Lauro Garrastazu, Luiz Rafael Merino, Tomás Mércio Silveira, Delfino Antunes Figueira, Djalma Silva Coronel, Luiz Maria Ferraz, Orlando Oberst Brasil, João Alfredo Pitrez, Carlos Brasil, Floriano Maya d'Ávila (promotor) e João Lyra de Faria (promotor). Apuraram os votos os Drs. Paulo Tavares Costa, Oswaldo Moraes e Nazeazeno d'Almeida. Combinou-se, então, que os cinco mais votados se reuniriam e escolheriam os cargos respectivos. Resultou na seguinte diretoria: presidente – Dr. Oswaldo Moraes. Vice – Dr. Luiz Maria Ferraz. 1º Secretário – Dr. Paulo Thompson Flôres 2º Secretário – Dr. João Manoel Budó. Tesoureira – Drª Cândida Cantera Netto. Como delegados da entidade junto aos municípios vizinhos (que não tinham número suficiente de causídicos para compor uma Subsecção) foram escolhidos os Drs. Manoel Marques Dias Neto (P. Machado), Antônio Xavier Dias Lopes (Dom Pedrito), Ernâni Leal Cachapuz (Lavras do Sul) e Djalma Gomes da Silveira (São Gabriel). Na época (1.951) éramos aluno interno no Colégio Rosário (Porto Alegre) e de tudo nos inteirávamos pela remessa semanal dos exemplares do saudoso “Correio do Sul”, que, pela Varig, nosso pai nos remetia.
-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
De alguns livros lidos: a) Quando Presidente da República o Dr. Epitácio Pessoa entregou o Ministério da Guerra e o Ministério da Marinha a dois civis: Dr. João Pandiá Calógeras e Dr. Raul Soares de Moura. b) Manuel Deodoro da Fonseca, como Floriano Peixoto (os primeiros presidentes de nossa República) nasceram em Alagoas, na mesma cidade. Deodoro faleceu em 1.892 e Floriano em 1.895, ambos no Rio de Janeiro. c) Em 1.889, já circulavam, no Brasil, 77 jornais e havia 273 clubes republicanos. -*-*-*- Em 1.893 a Nova Zelândia foi o primeiro país, no mundo, a permitir o voto feminino. -*-*-*- O carrasco alemão Adolf Hitler era austríaco, nascido em Brauhau. Seu pai era funcionário alfandegário.
-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
Antigamente, em décadas já absorvidas pelo tempo, aos domingos de manhã quando, à tarde, havia o clássico Bagé x Guarani; ou quando aqui vinham Inter ou Grêmio, não se podia trafegar na quadra mais central da Av. Sete, tal a aglomeração de torcedores pelas calçadas e meio da rua. E hoje?
-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
O famoso escritor tradicionalista Luiz Carlos Barbosa Lessa nasceu em 1.929 numa chácara perto de Piratini. Em 23/11/1.985 esteve na “Feira do Livro” em Bagé (Praça Rio Branco) e autografou-me “Nativismo – um fenômeno social gaúcho”, de sua autoria. Era bacharel em Direito e também jornalista, publicitário, compositor de música regional e historiador.
-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
O discutido jornalista Assis Chateaubriand (dono dos “Diários e Emissoras Associados”) de certa feita exclamou: “No Rio Grande, por ser fronteiriço, a sensibilidade católica é mais viva. Onde está o rio-grandense do sul, está presente sempre a imagem da pátria unida”. De outro escritor: “a formatura é o momento supremo em que uma vida termina e outra começa”.
*Texto revisado pelo autor.

Deixe sua opinião