No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Diversas 62820
Publicado em 07/06/2017

George Teixeira Giorgis

George Teixeira Giorgis

Uma das mais importantes legislações, que o Brasil possui, despontou em 1º de outubro de 2.003. É o chamado “Estatuto do Idoso” (lei 10.741). Seu texto é elogiado nos mais diversos países do mundo. Ele veio para regular os direitos assegurados a quem tenha 60 anos ou mais, que passaram ali a ser protegidos de modo exemplar. E muitos idosos nem sabem que os possuem! As penas, na violação do que a legislação protetora contem, são rigorosíssimas. -*-*-*- Faleceu em Pelotas, semanas atrás, onde o casal residia, a Srª Rosa Maria Oliveira de Borba, esposa do odontólogo bageense (e militar aposentado) Dr. Tertuliano Cunha de Borba. Este, aliás, foi nosso aluno de língua portuguesa em idos tempos em que lecionamos (por poucos anos) no então chamado “Colégio Estadual”. -*-*-*- O Código de Processo Civil ensina que, em falecendo alguém que deixou um testamento, ou havendo na sucessão herdeiros (ou interessados) incapazes, o inventário sempre será “judicial”. É o ditame do art. 610. Se folhearmos, outrossim, nosso Código Civil (arts. 1.819 até 1.823), ali entenderemos o que seja “herança jacente” que, seguindo os trâmites de praxe, poderá transformar-se em “herança vacante”. É caso raro de suceder na lida forense. -*-*-*- Em nossa cidade, a “Rua Raul Silveira Donazar” sedia-se no chamado “Bairro Stand”. Classificador de lãs na Barraca Gomes Barcellos, foi modelar chefe de família, além de torcedor do Guarani F. C., membro da administração da Santa Casa, fundador (e presidente) do Rotary Clube Bagé-Norte e Secretário de Obras Públicas na administração municipal do Sr. José Wílson Barcellos. No mesmo bairro será achada a “Rua Dr. Darcy Gaffrée Nogueira”, ardoroso “hincha” do G. E. Bagé. Médico pediatra e forte pecuarista filiado ao velho PSD, o Dr. Darcy chefiou o antigo Posto de Higiene (órgão sanitário estadual), depois chamado de “Centro de Saúde” ali na Av. Marechal Floriano, além de manter clínica própria para atendimento a crianças. Em nossa infância e juventude foi nosso atencioso vizinho na Rua Bento Gonçalves (entre a M. Dias e a J. Teles).
-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
         Em francês, “net” = limpo, livre. “Pomme” = maçã. Na língua inglesa, “hope” = esperança. “Ancestor” = antepassado. -*-*-*- No dia dois, Ângela Zaffari, na artística AZ Galeria, volveu a receber a intelectualidade bageense, na sessão de autógrafos e lançamento do livro do fotógrafo Eurico Salis, filho de Hebe e do saudoso Dr. Marcos Flávio. Antes, às 16 horas, na Biblioteca Pública Municipal, o consagrado autor palestrou para cidadãos e cidadãs, ventilando a sedutora “arte fotográfica”, doando à entidade exemplares vários de “RGS – Homens e Máquinas”. -*-*-*- Releio (de momento) “Memórias” (1º volume) – “Borges de Medeiros o seu tempo”, de João Neves da Fontoura, filho de Cachoeira do Sul (onde começou como prefeito), deputado estadual, deputado federal, vice-governador do RGS e embaixador. E, várias vezes, Ministro das Relações Exteriores de nosso país. São 404 páginas que “se digere” com encanto, ao percorrer-se o final da Monarquia e o despontar da República, chegando-se a 1.925. O restante virá no volume segundo. -*-*-*- O Dr. Vilmar Nunes Fontes telefonou de Porto Alegre, onde habita, para, generosamente, aplaudir carta semanal nossa ao “Correio do Povo”. Em PoA, formou-se em Direito, advogou por largo tempo, foi lente de Direito Penal na PUCRGS (onde exercitou também posto administrativo) estando agora aposentado. Foi uma ligação muito agradável posto que não nos vemos há muitas décadas. -*-*-*- No final do mês pretérito, lemos “O Siciliano” do italiano Mário Puzo, uma descrição sobre o que eram a corrupção e a opressão de certos grupos sobre os pobres naquela porção setentrional da Itália. -*-*-*- O Dr. Claudiran Nunes vem de adquirir a Rádio Cultura. Consta que mudará a sede para o prédio do extinto “Correio do Sul” e modernizará a programação.-*-*-*-Na sexta-feira, 9 do corrente mês, o Cmt. do 25º GAC, Cel. Moacyr de Mattos Jr., receberá seus colegas militares, autoridades e convidados civis especiais para solenizar “O Dia da Artilharia”, como sucede anualmente, com começo às 10:30 horas. Após a festividade e desfiles de praxe, acontecerá um coquetel seguido de almoço de confraternização. Em datas posteriores, sucederão lá competições desportivas diversificadas.

Texto revisado pelo autor.

Deixe sua opinião