No Ar
Folha do Sul
Web Rádio

Pavimento nos bairros é qualidade de vida
Publicado em 30/04/2019

Esquerda Carneiro

Esquerda Carneiro

Esquerda Carneiro – presidente da Câmara Municipal de Bagé
 
Uma das principais prioridades da gestão municipal iniciada em janeiro de 2017 é o pavimento de ruas e avenidas da nossa cidade. Não sei se até hoje uma administração demonstrou tanta preocupação com a grave situação da infraestrutura de Bagé no que diz respeito ao asfalto. Difícil. Acredito que não.
O crescimento populacional do município, a necessidade de construção de mais moradias, prevê melhor qualidade de vida para quem reside, principalmente, nos bairros. E o pavimento está inserido no plano de governo do prefeito Divaldo Lara como prioritário para oferecer melhores condições para quem mora nos lugares geralmente esquecidos, em que problemas de esgotamento sanitário, ruas esburacadas, enlameadas em tempo de chuvas e empoeiradas nos dias secos, são uma constante.
Dizer em campanha eleitoral que vai resolver o problema muitos disseram. Traçar um plano de metas para a pavimentação, anunciar e trabalhar para cumprir já é outra história, o que é possível ver na atual gestão.
Como presidente da Câmara de Vereadores, integrante da base do governo, tenho participado e acompanhado de perto o trabalho realizado sob o comando do prefeito Divaldo com o secretário Ronaldo Hoesel na linha de frente. Trata-se de um compromisso levado a sério e que deve chegar ou, pelo menos, beirar os 50 quilômetros de asfalto até o final do ano que vem. Tenho certeza disso.
Essa certeza começou nos primeiros dias de governo quando o prefeito determinou que não houvesse economia de esforços para resolver o problema do Anel Rodoviário, na zona oeste da cidade, parado há mais de 30 anos e com mil e uma promessas sem cumprir. A seguir testemunhei o direcionamento de esforços na pavimentação da avenida Attila Taborda, uma via importante, de escoamento de produção e de acesso a bairros populosos de Bagé. Também na Attila se ouviu muita conversa de “vamos fazer” e nada.
Nosso governo resolveu o problema. Tratavam-se de dois trechos em que houve mais enrolação que objetividade para oferecer à população a devida solução. Conseguimos. Posso citar aqui várias ruas e acessos em que foi feita a pavimentação. Asfalto novo para ruas sem asfalto e asfalto novo para ruas que precisam ser recuperadas. A começar pelo trabalho no acesso à Unipampa e do residencial São Sebastião. Este último impedia que os contemplados pudessem morar nos apartamentos que já estavam no seu nome. Eles apenas queriam saber “por que não asfaltaram ainda”.
Tu, meu irmão, meu amigo, que vive em Bagé, será testemunha nos próximos 20 meses de um grande projeto em concretização: o asfaltamento das ruas dos bairros da cidade. Já estamos concluindo todo o bairro Ipiranga. Exatamente. Não lesse errado. É isso mesmo. A zona leste está sendo contemplada com pavimento, depois de tanto vai e volta, faço não faço, reunião da Câmara em CTG, enfim. Depois de tudo, inclusive uma tentativa de cobrar taxa extra de asfalto, agora vai. Sem taxa nenhuma.

Boa parte da zona leste será asfaltada
Outra boa notícia é relacionada às ruas não pavimentadas, que ganham uma ótima solução. Os testes com um compactador de solo e um produto importado para integrar ao solo demonstram excelente resultado. É possível constatar a qualidade  na avenida Itália e na entrada do bairro Passo das Pedras.
Vamos em frente. Vamos fazendo o que a população necessita. Este é um governo que respeita e valoriza as pessoas. 
 
 
 
 

Deixe sua opinião