Cuidado com as órteses
Publicado em 18/06/2013

Folha Saúde

Foto: Reprodução/FS

Para tentar controlar as dores e não forçar o músculo, muitas vezes, quem tem tendinite ou outras lesões faz uso de acessórios, como munhequeiras e talas. Porém, antes de utilizar os objetos, é preciso consultar um médico, pois em alguns casos os acessórios podem até mesmo agravar a situação. É o que concluiu uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e pela Universidade Federal de São Carlos.
O estudo apontou que o uso de órteses, imobilizadores, para a parte inflamada do corpo é indicado para tendinite, LER e artrose, para o descanso de tendão e articulações, mas, se usados sem a prescrição médica, podem se tornar vilões no tratamento. Ainda, de acordo com os pesquisadores, quando o paciente já chega com a tala ao consultório, é preciso avaliar se ela foi utilizada corretamente e que tipo de material foi usado. Em alguns casos, é preciso, além de tratar a doença, corrigir o mal que o objeto de imobilização causou, atrasando o tratamento.
A pesquisa também revela que o uso incorreto de talas e munhequeiras pode não trazer os benefícios buscados e, em alguns casos, a inflamação de músculos e tendões pode até se agravar. Para chegar a essa conclusão, os estudiosos colocaram eletrodos no corpo dos voluntários que usavam órteses para monitorar os movimentos. Quando o acessório não tinha a indicação de um especialista ocorria uma sobrecarga no local da inflamação e em outras partes do corpo. O que pode ocasionar pequenos traumas e a dor faz com que a pessoa contraía mais o músculo.
Para cada paciente existe uma órtese, já que elas podem ser feitas sob medida para o punho, dedo ou antebraço. E só quem pode indicar a tala ou munhequeira correta é o médico, através de um diagnóstico. 

Dicas para evitar tendinite e LER
- Postura correta e intervalos de 15 minutos para quem fica o dia todo no computador;
- Após uma hora e meia, no máximo, dê uma levantada, espreguice-se;
- Faça alongamentos que relaxe os músculos.

Deixe sua opinião