PÁGINA 2 - SAÚDE - 220520
Publicado em 22/05/2020

ConteMPorâneo

Foto: Divulgação/FS

Mantenha o foco: siga as atividades físicas, mesmo nos dias mais frios!

Quando as temperaturas começam a cair, bate aquela vontade de ficar embaixo do edredom e não ir ao treino. Aí vem a desculpa de que está muito frio ou que nos dias mais quentes temos mais disposição. Mas o friozinho não pode ser desculpa para o sedentarismo prevalecer. Pelo contrário, praticar atividade física no inverno tem várias vantagens. Saiba que a disposição não é a chave de tudo, que antes dela, é preciso disciplina.  O educador físico Adil Alves Junior nos ajuda a entender o porquê a prática de atividade física no inverno é tão importante.
No frio, o corpo precisa se movimentar para manter a temperatura estável, já que a tendência é que o metabolismo fique mais lento. Segundo o profissional, a diminuição do risco de doenças cardiovasculares e metabólicas; o auxílio no combate ao excesso de peso; a melhora de tônus muscular e de massa óssea; o fortalecimento de articulações; a melhora de autoestima, a sensação de bem-estar; a manutenção de postura e a diminuição de dores, são alguns dos benefícios da prática regular de atividade física.
Segundo ele, é unânime na comunidade científica que exercícios de intensidade moderada auxiliam na melhora do sistema imune. Apesar da prática de atividade física não ser um remédio ou vacina, em suma, uma pessoa que treina tem uma resposta mais rápida a qualquer quadro de infecção.
“Se a pessoa tem um objetivo com o treinamento, independente de qual, precisa de constância. Existem mais vantagens que superam a única desvantagem, que é a temperatura e, antes de desistir ou até começar, lembre-se: pratique uma atividade atrativa, que goste, pois é a melhor forma de gerar adesão”, ressalta o educador físico.
Mesmo a par dos benefícios que se exercitar na época mais fria do ano proporciona, não é mesmo fácil enfrentar o inverno. 

Algumas atitudes podem ajudar no desafio
Organize-se: Coloque na agenda semanal e estabeleça uma meta fácil de ser cumprida. Ao organizar os horários e definir essa prática como parte da rotina obrigatória, fica mais fácil manter o foco.
Escolha o melhor horário: Como as temperaturas estão mais baixas durante o início da manhã e à noite, quem tiver uma agenda flexível pode malhar nos momentos mais quentes do dia. Em alguns casos, vai dar até para sentir um calorzinho.
Teste novas atividades: Um novo desafio pode ser o que falta para sair debaixo do cobertor. Aproveite a época para experimentar uma nova modalidade!  Além de ser bom para o corpo, pode fazer um grande bem à saúde emocional. 
O profissional, responsável pela academia Coliseu, sugere algumas modalidades e explica a forma de trabalho de cada uma:
Musculação: treinamento resistido com pesos livres e equipamentos, geralmente tem como meta a hipertrofia muscular, mas também auxilia no emagrecimento e reabilitação, se for direcionado a este fim.
Treinamento físico funcional: tem como base as movimentações naturais do ser humano. Trabalha potência, força, cognição, equilíbrio, flexibilidade e melhora da capacidade cardiorrespiratória. Se busca uma prática nada monótona, essa modalidade vai atender bem esse requisito.
Glute lab: a tradução literal é laboratório do glúteo, mas o foco é nos membros inferiores. Melhora função, força e tem foco na resposta estética.
Levantamento de peso olímpico: o esporte olímpico que ganhou fama por meio do crossfit. Como o trabalho dessa atividade envolve o corpo todo e uma alta demanda de mobilidade, alongamento e movimentação balística, o praticante desfruta de uma bela resposta na composição corporal, ganho de força e condicionamento físico.
Como é possível perceber, existe atividades físicas para todos os públicos e gostos. A recomendação é que sempre procure um profissional capacitado para atender os teus objetivos e te motivar, independente da época do ano. Exercício físico é saúde, pratique!

Deixe sua opinião