CASA E DECORAÇÃO - Mantenha a casa limpa e protegida
Publicado em 29/05/2020

ConteMPorâneo

Foto: Reprodução/FS

Dicas para higienizar a casa em meio à pandemia de coronavírus

 

Em meio à pandemia da covid-19, todos tentam ficar mais protegidos o possível. Mas os cuidados não devem ficar restritos apenas a lavar as mãos e usar álcool-gel. É importante que a casa (local que muitos têm passado bastante tempo por causa da quarentena) também seja higienizada adequadamente. O vírus consegue sobreviver por dias em superfícies, mas pode ser eliminado com limpeza.
Agora, a higienização é uma questão que vai muito além de “estar ou não arrumado”. Confira algumas medidas para desinfetar os cômodos da casa.

Frequência: não existe um número exato de vezes que a casa precisa ser higienizada, isso depende se há alguém infectado, se há pessoas em exposição. O ideal é intensificar a rotina de faxina prestando atenção nos cômodos mais críticos, como cozinha e banheiro, que devem receber atenção diariamente.

Não se esqueça dos detalhes: alguns objetos acabam passando batido na faxina, mas as maçanetas, corrimãos, controles remotos, interruptores e aparelhos eletrônicos são muito manuseados. Por esse motivo, eles devem ser bem higienizados. Álcool 70% é uma boa opção para essa tarefa.

Use os produtos corretos: para limpeza geral dos pisos, por exemplo, água sanitária diluída é a opção para eliminar bactérias, segundo o Ministério da Saúde (a proporção é uma medida de água sanitária para nove medidas de água); para louças e roupas não misture os detergentes, cada um com seu produto, pois assim eles têm eficácia garantida.

Mantenha as janelas abertas: a circulação de ar evita que se crie mofo, vírus e bactérias. Assim, recomenda-se que todos os ambientes, sobretudo, os mais úmidos, como os banheiros, estejam sempre arejados.

Separe os panos e luvas: a ideia aqui é que, durante a limpeza, a contaminação não vá de um cômodo para outro. Os panos coloridos são uma boa forma de separar os materiais específicos de cada espaço.

Limpe os equipamentos de faxina: depois de terminar de limpar, higienize as luvas da mesma forma que as mãos, com água, sabão e álcool-gel. Lembre-se de secar os materiais depois de lavá-los, pois panos e esponjas molhados podem criar bactérias.

Evite trazer objetos de fora: com muita gente em quarentena, a contaminação pode acontecer quando algo de fora entra na casa. Por isso, adote o costume oriental de tirar os sapatos antes de entrar em casa. Isso evita que as bactérias da calçada entrem. Se for possível, tome banho e tire as roupas ao chegar em casa. Ao fazer compras de mercado ou em qualquer outra loja, higienize os produtos antes de guardá-los, incluindo caixas e latinhas.

Tudo separado: caso haja alguém infectado na sua residência é fundamental que toda a higiene do cômodo da pessoa, assim como as roupas e objetos, seja feita separadamente. O ideal é que a própria pessoa infectada faça os procedimentos.

Fonte: Casa Abril

Deixe sua opinião