Bagé / RS, Quinta-feira, 21 de Fevereiro de 2019
Siga-nos:

Notícia

Geral | Caderno: Campo

Segmento projeta próxima safra de soja

Representantes destacam expectativas para cultivo do grão
Representantes destacam expectativas para cultivo do grão
Crédito: Francisco Bosco

A Emater RS-Ascar divulgou, durante a Expointer, a estimativa para a próxima safra de grãos de verão. Conforme a instituição, a perspectiva de produção é de 29 105 276 toneladas, valor 2,20% maior do que os 28 477 369 colhidos no ano que passou. A safra anterior teve uma série de prejuízos em decorrência do fenômeno El Niño. O excesso de chuvas trouxe perdas consideráveis para os produtores da região da Campanha, porém, agora, sem a possibilidade de excesso de chuvas, há previsão de um cenário positivo para a safra de grãos.

Cooperativa aposta em boa produção
É o que aponta o presidente da Cooperativa Agrícola Mista Aceguá Ltda. (Camal), Sieghard Ott, que destaca que a expectativa é positiva referente à safra. Para a culturas de soja, segundo o dirigente, o produtor tem que se manter atento para as janelas de plantio que surgirão no momento adequado para aproveitar a umidade do solo a fim de oferecer-lhe uma boa germinação. O presidente da Camal também avalia que, neste momento, é complicado visualizar os aspectos referentes da comercialização dessa safra futura, visto a dependência dos mercados internacionais. “No entanto, arrisco a dizer que se o dólar permanecer nesses patamares de hoje, a tendência dos preços é de se manterem”, salienta.

Benefícios para a pecuária
Quem prevê a manutenção da expansão da soja na região é o engenheiro agrônomo João Arruda. Ele pondera que a próxima safra deverá sofrer um impacto grande em função das grandes perdas por excesso de chuvas na colheita da última safra. Arruda aponta como reflexos a descapitalização do produtor. Somado, também, à política econômica por que passa o país e a queda de preço da soja.  “Mas não tenho dúvida nenhuma que essa expansão continua. Nossa cidade tem grande área agricultável para essa oleaginosa. Estamos plantando pouco mais de 10% da área de Bagé. Tem muito espaço para continuar crescendo. Sobra muita área para pecuária. Mas os pecuaristas não precisam se preocupar, com a entrada da soja, nota-se uma melhora muito grande nos campos. Na verdade, a soja vem se integrando muito bem com a pecuária. É um ¨ganha x ganha¨. O pecuarista melhora suas pastagens de inverno, isso se traduz em mais quilos de carne por hectare e o sojicultor ganha, com o melhoramento do solo, mais quilos de grãos por hectare”, declara Arruda - proprietário da empresa Agrocampanha.

Estímulo à economia
Esse novo cenário também é referendado pelo representante da empresa Agrotécnica Copersepé, Luciano Cantarelli, que observa o avanço das áreas plantadas com soja na região como excelente para o desenvolvimento econômico de todos os municípios da Campanha, isso porque estimula o comércio e a geração de emprego, principalmente se respeitar o meio ambiente. “Temos um ótimo potencial de produção na região, esperamos somente que o clima nos ajude para a próxima safra de verão. Alguns institutos registram um ano com chuvas dentro da média a longo prazo. Então, preparando-nos para isso, teremos uma safra com potencial expressivo de produção de soja. O preço não está como deveria, mas também tem-se a expectativa de melhoras nos valores”, comenta Cantarelli.
 
Licenciamento ambiental
 
Com o aumento da produção agrícola, em especial no cultivo da soja, também cresceu a demanda por serviços de licenciamento ambiental, com acompanhamento de empresas e técnicos qualificados. O engenheiro agrônomo Luiz Henrique Machado Corrêa observa que a procura por esses serviços deverá aumentar ainda mais, porque muitos empreendedores não acreditam na necessidade de ter o acompanhamento ambiental. “A área é um segmento da agropecuária que deve ser enxergado com uma assistência permanente, pois o empreendedor só lembra do técnico quando acontece uma autuação pelos órgãos ambientais ou quando acontece um acidente que cause dano ambiental e precise ser reparado”, argumenta o proprietário da empresa Ambiental. Todavia, Corrêa pondera que, por outro lado, muitos empreendedores estão adotando o conceito da agricultura de precisão,  manejo que, na maioria das vezes, não leva, conforme o agrônomo, em consideração os tratos culturais e “modus operandi” com as lavouras, sejam elas com a utilização de pivôs de irrigação ou na utilização de equipamentos de alto rendimento e de alta precisão. “Que vem com uma tecnologia embarcada de muita computação, mas que leva em conta as condicionantes e limitações ambientais dos solos de nossa região”, comenta o empresário que reitera a importância, para o produtor que deseja obter mais resultados, de, antes de implantar a lavoura, realizar uma auditoria ambiental para verificar o correto uso, manejo e conservação do solo: “Só embasado em um relatório consistente pode-se traçar a melhor estratégia para obter melhores resultados sem agredir o ambiente natural, sem causar danos à natureza e, assim, desenvolver uma agricultura sustentável”, finaliza.
 

Comente essa notícia

Notícias Relacionadas | 10/10/2016 |

  • Bagé, Quinta-feira 10 de Outubro

    Remate Premium inicia programação de leilões

    Um remate especial. Essa é a definição para a quarta edição do Remate Premium que abrirá, hoje, a programação de leilões da 104ª Expofeira. Realizado pela Agropecuária São Jorge e Estância Rio Negro, o remate já se consagra como uma das melhores...

  • Bagé, Quinta-feira 10 de Outubro

    Conheça os parceiros

    LDN Topografia A LDN Topografia trabalha com agrimensura, georreferenciamento, regularização fundiária, licenciamento ambiental e outorgas. Está localizada na Marechal Deodoro, 367. Telefone: 3242 5138. Realiza, ainda, serviços como projetos...

  • Bagé, Quinta-feira 10 de Outubro

    Capanegra: tradição em pista em mais uma oferta qualificada

    Com uma tradição histórica no trabalho de seleção de animais e focado na pecuária de corte de ciclo completo, a Cabanha Capanegra, localizada em Dom Pedrito, promove, amanhã, seu tradicional remate na Expofeira. Este ano, o estabelecimento de...

  • Bagé, Quinta-feira 10 de Outubro

    Campana e Santa Leontina: excelência em leilão

    Na sexta-feira, à noite, na Associação e Sindicato Rural de Bagé, acontece mais uma edição especial do Remate da Cabanha Campana, de propriedade do criador Mário Moglia Suñé.  A 15ª edição do remate traz como convidada a Cabanha Santa Leontina,...

  • Bagé, Quinta-feira 10 de Outubro

    Arena Rural: novidade nas disputas das gineteadas

    Considerada uma das principais atrações da Expofeira, as gineteadas, em 2016, terão suas disputas, nas modalidades pelo e gurupa sureña, em um novo local. Será no projeto denominado Arena Rural. Trata-se de uma estrutura de pista, arquibancadas e...

Clique TV
Qualidade de Vida
Assista também:
Daniel em Bagé
Clique Social

Coluna Social

Divulgação/FS

ORTODONDISTA, Mário Antonio Mezzomo atendeu na clínica do edif. Carlos Brasil sábado (16). Fui ao encontro de meu particular amigo, que sempre tem...

Notícias mais lidas do dia

Clique Horóscopo

Áries

Sol e vens continuam seu caminho unidos em leão ainda motivando seu coração. Lua e mercúrio em virgem melhoram as relações de trabalho e possibilitam acordos de negócios. planos e projetos em alta.

Touro

Mercúrio e lua em virgem e ainda seu regente unido ao sol em leão abrem espaços em sua vida para um novo amor entrar. Se já for comprometido, melhora sensivelmente seu relacionamento. Finanças em alta.

Gêmeos

Seu regente entra em virgem e sua capacidade intelectual e mental aumentam sensivelmente. A fase é ótima para rever assuntos relacionados à sua família ou a questões domesticas. Comunicação em alta.

Câncer

Venus e sol unidos em leão continuam trazendo benefícios à sua vida financeira. O momento é ótimo também para pequenas viagens e assuntos de trabalho relacionados à comunicação. Amor em fase neutra.

Leão

Venus e sol em seu signo continuam agindo positivamente em sua vida, especialmente a amorosa e financeira. Mercúrio unido à lua aumenta ainda mais as possibilidades de bons acordos de negócios e ganhos financeiros.

Virgem

Mercúrio e lua em seu signo melhoram o astral que anda meio baixo, com queda de energia. Procure relaxar e manter-se protegido de ambientes e pessoas carregadas. A fase é ótima para acordos comerciais e a comunicação.

Libra

Mercúrio e lua em virgem derrubam sua energia, apesar das demandas sociais. A fase é ótima para a reflexão e a meditação. Seu regente unido ao sol em leão abrem portas para novos contatos comerciais.

Escorpião

Mercúrio e lua em virgem mobilizam sua vida social e amizades neste período. Venus e sol unidos em leão ainda beneficiam sua carreira e vida profissional. A fase é ótima para a comunicação e novos contratos.

Sagitário

O sol e Venus em leão continuam ativando seus estudos e as viagens podem se tornar seu foco neste momento. Carreira e vida profissional em alta, com possibilidade de novos projetos ou propostas de trabalho.

Capricórnio

Mercúrio e lua em virgem aceleram seus projetos e planos futuros e assuntos relacionados a viagens longas e contato com estrangeiros. Fase de grande otimismo e espiritualidade renovada. Amor em alta.

Aquário

Venus e sol em leão continuam mobilizando contatos e parcerias e melhorando seus relacionamentos afetivos e de amizades. A fase é das melhores. Cuidado apenas para não se deixar levar por pensamentos negativos.

Peixes

O trabalho continua sendo beneficiado pela passagem de Venus e do sol pelo signo de leão. Mercúrio e lua em virgem mobilizam seus relacionamentos pessoais e parcerias comerciais. Amor em alta.