Bagé / RS, Quarta-feira, 26 de Junho de 2019
Siga-nos:

Colunistas

Gladimir Aguzzi
Coluna: Papo de Elevador
Papo de Elevador

Papo de elevador

Ingovernável sem conchavos
Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro compartilhou em redes de WhatsApp o texto de um tal Paulo Portinho, funcionário público, que, trocando em miúdos, alerta ser o Brasil ingovernável sem conchavos políticos. Isso causou um rebuliço enorme. A renúncia do presidente Jânio Quadros, aos sete meses de governo, foi lembrada (e muito) para dizer que Bolsonaro está preparando o terreno para cair fora.

Que poder tem o presidente?
Em um dos trechos do texto diz: “Que poder, de fato, tem o presidente do Brasil? Até o momento, como todas as suas ações foram ou serão questionadas no Congresso e na Justiça, apostaria que o presidente não serve para nada, exceto para organizar o governo no interesse das corporações. Fora isso, não governa.”

Esquenta impeachment
A verdade é que essa história acumulada com tantas outras como o projeto Anticrime do ministro Sérgio Moro, a Reforma da Previdência e o fato de Bolsonaro ser Bolsonaro, esquentou a já conhecida má vontade da imprensa e o apetite da esquerda em voltar ao poder.

Golpe a “la PT”
Os deputados federais do PT, Henrique Fontana e Paulo Teixeira, estão com uma estratégia de “golpe” a caminho. Eles protocolaram uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) no Congresso Nacional prevendo eleição direta em 90 dias, caso haja o afastamento definitivo do presidente da República. Isso não é de depois do texto compartilhado, mas é deste ano e vem com tudo.

Vice, não
De outra forma, essa tentativa de não deixar o vice assumir já ocorreu em 1961, resultando na legalidade, quando Jânio Quadro renunciou à presidência e “não queriam” que o vice-presidente João Goulart assumisse em seu lugar. Agora, a intenção é provocar, instigar a queda do presidente Bolsonaro, desde que Mourão não assuma. “Se não, que graça teria?” 

Golpistas!
O PT, que não aceita o resultado das urnas, quer de todo modo, de faca nos dentes e sangue nos olhos, arrancar Jair Bolsonaro do cargo de presidente do Brasil. Essa PEC, que alguns já denominaram de Anti-Mourão, é golpista. Que palavra! Quantas vezes ouvi nos últimos três anos? Mas é golpista, sim.

Maldosas de Henrique Fontana
O argumento estapafúrdio dos dois deputado para a apresentação da proposta é que em muitos municípios há casos de vices que se unem aos vereadores para derrubar o prefeito. O jornal O Globo registrou que Henrique Fontana afirmou que “o vice tem que compreender que foi eleito para ser vice...” Bobagem. Palavras ao vento. O PT quer derrubar Bolsonaro e voltar ao poder. É isso. Só isso. Nada mais que isso.

Se existisse...
E sabe o leitor como o PT e seus puxadinhos estão chamando a PEC? Antigolpe. Verdade. Chamam antigolpe porque alegam que se esse projeto existisse em 2016, Michel Temer não assumiria. “E em 90 dias teríamos nova eleição. Uma lástima!”, sofrem.

Para que nada mude
A verdade é que o Brasil não tem maturidade para passar por outro impeachment. A esquerda e os aliados fantasmas do governo marcham a passos largos para esse intento. Para eles, não importa o que vai dar. “Do caos surge a ordem”, repetem como um mantra. Embora saibam que o interesse é que nada mude, que tudo fique como sempre esteve, desde o Brasil Colônia.

Espelhos e miçangas
O PT no governo não fez a Reforma da Previdência, não fez a Reforma Tributária e mentiu na Reforma Política. Deixou como sempre esteve e apenas reclamou que o Brasil é assim mesmo desde 1500. Nesse meio tempo deu de presente espelhinhos e miçangas em conchavos. O resultado disso? Bolsonaro na presidência, Lula e aliados presos.

Democracia representativa
Outro dia li que é preciso conviver com a democracia representativa. Que é assim que funciona: conversa-se com os parlamentares, argumenta-se para convencer sobre projetos e chegar a um denominador comum. Esse comum acordo resulta em votação, aprovação ou não.
Democracia é isso. Ah, pois é. Parece tão bonito e legal. Não fosse o fisiologismo, o loteamento do governo, o clientelismo e a barganha. Lula e Dilma acreditaram na tal governabilidade e veja-se em que deu.

Véspera da inauguração da luz
Na quarta-feira passada, esta coluna contou a história da iluminação pública em Bagé. Nesta segunda parte, destacamos a véspera da inauguração.
Era sábado 3 de junho de 1899, Bagé estava toda enfeitada. As casas da avenida Sete tinham suas fachadas ornamentadas e as principais quadras foram ornadas com colunas e galhardeastes. Domingo ocorreria a grande inauguração da luz elétrica.

Um boato
Durante o sábado, corria uma história de que os testes seriam feito na madrugada de sábado para domingo. Fazia frio. E caía uma enorme geada.
Mesmo assim uma grande massa popular resolveu ficar nas ruas. Esperando o tal teste, passeando pela Sete de Setembro. Até que por volta de uma hora da madrugada foram ligadas as lâmpadas dos postes e o povo aplaudiu a iluminação e gritou viva! Sem aguardar a inauguração oficial, a multidão ficou na rua e cantou até o amanhecer.

O grande dia
O domingo da inauguração era um dia frio e úmido. O termômetro marcava oito graus. No mesmo horário previsto para iniciar a programação, 16h, chegou o trem especial com excursionistas de Pelotas e Rio Grande, formando um cortejo de mais de 60 carros (charretes e carroças) e muitos populares foram a pé até a usina elétrica, onde hoje está o escritório da CEEE, na rua Juvêncio Lemos.
Havia representantes e prefeitos de Rio Grande, Pelotas, Lavras e Dom Pedrito. Também vieram a Bagé jornalistas de jornais da região. (continua)

  

Comente essa notícia
Exibindo 1 a 10 de 94 resultados encontrados
  • 26/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Planos e conspirações
    “- Não sentes que os teus planos estão à vista de todos? Não vês que a tua conspiração a têm já dominada todos estes que a conhecem? Quem, dentre nós, pensas tu que ignora o que fizeste na noite passada e na precedente, em que local estiveste, a quem convocaste, que...
  • 22/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Assunto novo
    Na última quarta-feira, comecei a abordar neste espaço o histórico dos partidos predominantes em Bagé em determinados períodos. Parei em 2000 para continuar com o relato do domínio do PT até chegar nos tempos atuais com o PTB e comparar com o velho trabalhismo pré-1964....
  • 19/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    É tempo de PTB
    O PTB é o maior partido de Bagé. Em densidade, autoridade e poder. O PTB, depois de 55 anos, volta a ser o maior partido da Rainha da Fronteira.
    Antes de voltar a falar no histórico do PTB em Bagé e sua jornada até se tornar o maior de todos, quero lembrar que PDS, PDT e PT já...
  • 15/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    A Santa Casa e a história
    Aproveito o tema de capa do Folha do Sul de ontem para contar um pouco sobre a história da Santa Casa de Caridade de Bagé, valho-me das publicações de Jorge Reis, Tarcísio Taborda, Mário Lopes, Harry Rottermund e Elizabeth Macedo de Fagundes.  A instituição Santa Casa...
  • 12/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Que conversa é essa?
    Circula nas redes sociais versões adulteradas das conversas “hackeadas” de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol. Li duas versões, em uma delas está escrito que “a sentença no Tribunal Regional Federal da 4ª Região já está combinada”. Também li a conversa original e, como tantos,...
  • 08/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    No tempo do Brasil
    Foi-se o tempo em que o Brasil parava no horário dos jogos da Seleção Brasileira. Não para mais. Talvez seja essa nossa mania de querer imitar os outros, ser grande à moda dos outros. Isso só nos apequena. Voltamos ao tempo de antes de 1958, retornamos ao nosso complexo de...
  • 05/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Camelôs!
    E o vereador Lelinho “Lula Livre” Lopes pediu vista do projeto dos camelôs, que foi ao plenário da Câmara Municipal nesta segunda-feira, dia 3. Para a maioria que ouviu falar no projeto como o de autorização para o funcionamento do Centro Popular de Compras no Calçadão, no espaço da...
  • 01/06/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Qual Câmara?
    Contei na última quarta-feira que um amigo me perguntou qual a melhor Câmara de Vereadores que tivemos? Pergunta difícil. Em primeiro lugar porque a Câmara como a concebemos existe desde os tempos do império, foi constituída em Bagé logo após a Revolução Farroupilha, tem uma...
  • 29/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Qual a melhor Câmara?
    Outro dia um amigo me perguntou:
    - Tu que acompanhas a política de Bagé há tanto tempo, qual a melhor Câmara de Vereadores que tivemos?
    Entendi que ele estava me perguntando qual a legislatura, referindo-se a qualidade dos eleitos. Portanto, eis aí uma pergunta difícil...
  • 24/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    A trajetória do PT em Bagé
    O PT de Bagé chegou à prefeitura na eleição de 2000. Até lá amargou derrotas em 1985, com Luiz Mainardi; em 1988, com Valdir Gomes; em 1992, com Mainardi, e em 1996 mais uma vez com Mainardi. Nessa trajetória concorreu sozinho, depois com PSB e mais tarde com PMDB.
Exibindo 1 a 10 de 94 resultados encontrados
  • Página de 10
Clique TV
OPERAÇÃO SÃO CRISTOVAN | POLÍCIA CIVIL BAGÉ
Assista também:
OPERAÇÃO EMBOSCADA | POLÍCIA CIVIL
Clique Social

Coluna Social

“A morte é simples mudança de veste. Somos o que somos. Depois do sepulcro, não encontramos senão o paraíso ou o inferno criados por nós mesmos”

Notícias mais lidas do dia

Clique Horóscopo

Áries

Sol e vens continuam seu caminho unidos em leão ainda motivando seu coração. Lua e mercúrio em virgem melhoram as relações de trabalho e possibilitam acordos de negócios. planos e projetos em alta.

Touro

Mercúrio e lua em virgem e ainda seu regente unido ao sol em leão abrem espaços em sua vida para um novo amor entrar. Se já for comprometido, melhora sensivelmente seu relacionamento. Finanças em alta.

Gêmeos

Seu regente entra em virgem e sua capacidade intelectual e mental aumentam sensivelmente. A fase é ótima para rever assuntos relacionados à sua família ou a questões domesticas. Comunicação em alta.

Câncer

Venus e sol unidos em leão continuam trazendo benefícios à sua vida financeira. O momento é ótimo também para pequenas viagens e assuntos de trabalho relacionados à comunicação. Amor em fase neutra.

Leão

Venus e sol em seu signo continuam agindo positivamente em sua vida, especialmente a amorosa e financeira. Mercúrio unido à lua aumenta ainda mais as possibilidades de bons acordos de negócios e ganhos financeiros.

Virgem

Mercúrio e lua em seu signo melhoram o astral que anda meio baixo, com queda de energia. Procure relaxar e manter-se protegido de ambientes e pessoas carregadas. A fase é ótima para acordos comerciais e a comunicação.

Libra

Mercúrio e lua em virgem derrubam sua energia, apesar das demandas sociais. A fase é ótima para a reflexão e a meditação. Seu regente unido ao sol em leão abrem portas para novos contatos comerciais.

Escorpião

Mercúrio e lua em virgem mobilizam sua vida social e amizades neste período. Venus e sol unidos em leão ainda beneficiam sua carreira e vida profissional. A fase é ótima para a comunicação e novos contratos.

Sagitário

O sol e Venus em leão continuam ativando seus estudos e as viagens podem se tornar seu foco neste momento. Carreira e vida profissional em alta, com possibilidade de novos projetos ou propostas de trabalho.

Capricórnio

Mercúrio e lua em virgem aceleram seus projetos e planos futuros e assuntos relacionados a viagens longas e contato com estrangeiros. Fase de grande otimismo e espiritualidade renovada. Amor em alta.

Aquário

Venus e sol em leão continuam mobilizando contatos e parcerias e melhorando seus relacionamentos afetivos e de amizades. A fase é das melhores. Cuidado apenas para não se deixar levar por pensamentos negativos.

Peixes

O trabalho continua sendo beneficiado pela passagem de Venus e do sol pelo signo de leão. Mercúrio e lua em virgem mobilizam seus relacionamentos pessoais e parcerias comerciais. Amor em alta.