Bagé / RS, Segunda-feira, 27 de Maio de 2019
Siga-nos:

Colunistas

Gladimir Aguzzi
Coluna: Papo de Elevador
Papo de Elevador

Papo de elevador

A grande missão do general Ramires em Bagé está relacionada à História da Fronteira e do Gaúcho
A grande missão do general Ramires em Bagé está relacionada à História da Fronteira e do Gaúcho
Crédito: Arquivo/FS

Movimentos militares na fronteira
Ouvi o general Ramires no programa Primeira Notícia da Rádio Clube, quinta-feira, 18. Muito interessante. Entrevistado pela jornalista Giana Cunha, o general disse algo que é fundamental para compreendermos a história da fronteira sul-americana e da formação do gaúcho, “foi aqui que aconteceram os principais movimentos militares”.

Ao Exército brasileiro
Como já foi noticiado, o Exército brasileiro e a Prefeitura de Bagé estão tratando sobre a cedência da área do Forte de Santa Tecla para a União, o que deverá ocorrer por meio de permuta. Com isso, o Exército poderá concretizar a revitalização daquele espaço, transformando-o num lugar de memória para o Rio Grande do Sul, o Brasil e o mundo.


Memorial da América Meridional
Os vários tratados para demarcação de fronteiras firmados entre Portugal e Espanha fizeram Bagé ser única e múltipla nas batalhas por território, porque sendo de índios, foi também de Espanha e Portugal; seja através de ocupação, invasão ou pelas armas. Eis aqui um campo de batalha que merece o cuidado e o zelo histórico do Exército brasileiro. E, quem sabe, no futuro a instalação do Memorial da América Meridional, em parceria com Argentina, Uruguai, Paraguai, Portugal e Espanha.

A formação do gaúcho
É preciso que se compreenda que o gaúcho do pampa, o verdadeiro gaúcho, o telúrico, o homem a cavalo do sul, nasceu nesta fronteira, aqui se forjou como um marginal, um andarilho dos campos, sem casa e do catre mal acomodado em noites de geadas; ele tomou para si o cavalo como um índio charrua e apreendeu de armas como um soldado português, apesar de falar como um espanhol. Assim foi se formando.

Um símbolo da história
Se contarmos ao mundo o que é o gaúcho que nasceu aqui, cruzando fronteiras sem saber onde havia fronteira, catando peças das indumentárias de peleadores mortos em combate, espetando boi e preá em paus de cabreúva ou guatambu, esse conjunto de conhecimento, essa cultura, começaria a receber o valor histórico que merece. E o Forte de Santa Tecla, construído em 1773 por espanhóis, está no centro simbólico dessa história.

A grande missão
Para a formação do gaúcho esses embates de fronteiras são mais significativos que o trabalho dos padres jesuítas. Nas reduções missioneiras havia o índio. Nessas fronteiras se encontrava a busca da vida, a fuga rumo ao encontro de uma identidade. Eis o gaúcho.
Tomara o empreendimento do Forte de Santa Tecla consiga se tornar o maior feito histórico da região em muitos anos. O general Ramires tem uma grande missão pela frente.

O teatro
Festival de Dança, Festival de Música, Festival de Cinema. Agora, vem aí um festival de teatro. Um evento com a finalidade de intercâmbio cultural e acelerar o processo de construção do Teatro Municipal de Bagé. Quando tivemos três edições de um festival de artes cênicas na cidade, iniciado em 2011, sob o comando do ator Tom Peres, tivemos também o início de uma campanha com depoimentos em vídeo para que o “grande teatro” fosse construído. Não foi. Agora, a ideia avança, além do local e do aval do prefeito, há um estudo adiantado para a viabilidade técnica e financeira da obra.

Araci Esteves e Ítala Nandi
As atrizes Araci Esteves e Ítala Nandi são duas das atrações do XI Festival Internacional de Cinema da Fronteira, que começa na próxima semana, em Santana do Livramento e depois, nos dias 25, 26 e 27, em Bagé, no Centro Histórico Vila de Santa Thereza. O festival será realizado com recurso do Pró-Cultura do governo do Estado do Rio Grande do Sul.

Silêncio
Diogo Ferreira é diretor e roteirista do curta-metragem Silêncio, estrelado por Ricardo Beleza e Daniela Sturza, com fotografia de Edison Larronda. Silêncio estará no Festival da Fronteira. Trata-se de um experimento dentro da proposta denominada Dogma 95, iniciativa dos diretores dinamarqueses Lars von Trier e Thomas Vinterberg, em 1995.

O Dogma 95 de Diogo Ferreira
O Dogma 95 tem como base algumas regras para fazer cinema, primando por valores tradicionais – como história, atuação e tema, desprezando o uso de efeitos especiais elaborados ou de recursos tecnológicos. Foi uma forma de colocar novamente o poder nas mãos do diretor como artista.  Pelo menos é o que está escrito no manifesto dos dinamarqueses.

O Imba
Flávio Dutra, músico, diretor do Instituto Municipal de Belas Artes (Imba), está à frente de uma grande equipe no “velho conservatório”, são professores de teoria musical, de canto, de instrumentos e de dança. O Imba, por meio da associação de amigos, a Amimba, tem mais de 700 alunos nesses diversos cursos.

Qualidade artística
A pintura de restauro e a reforma do salão principal são algumas das principais ações em desenvolvimento e já concretizadas. Porém, o grande mérito é a qualidade artística. E qualidade é para o talento, para a disciplina e a dedicação. Foi-se o tempo em que bastava o talento. Sem o kit completo, é muito difícil dar certo.

Uma piada de cannabis
Essa história de talento lembra aquele escritor que admirava William Shakespeare e quando soube que o dramaturgo fumava maconha resolveu fumar também. Aí descobriu que fumar maconha não dá talento para ninguém, só o torna maconheiro.


Comente essa notícia
Exibindo 1 a 10 de 85 resultados encontrados
  • 24/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    A trajetória do PT em Bagé
    O PT de Bagé chegou à prefeitura na eleição de 2000. Até lá amargou derrotas em 1985, com Luiz Mainardi; em 1988, com Valdir Gomes; em 1992, com Mainardi, e em 1996 mais uma vez com Mainardi. Nessa trajetória concorreu sozinho, depois com PSB e mais tarde com PMDB.
  • 22/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Ingovernável sem conchavos
    Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro compartilhou em redes de WhatsApp o texto de um tal Paulo Portinho, funcionário público, que, trocando em miúdos, alerta ser o Brasil ingovernável sem conchavos políticos. Isso causou um rebuliço enorme. A renúncia do...
  • 18/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Gilmar de Quadros teve uma ideia
    O jornalista colunista social Gilmar de Quadros resolveu opinar sobre o tão sonhado teatro de Bagé. E ele sugere que o prédio histórico do Clube Comercial passe para o município e seja transformado em teatro. Para isso haveria uma assembleia com os sócios, que...
  • 15/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Iluminação pública
    A alternativa encontrada pela prefeitura para mudar o sistema de iluminação pública de Bagé está embasada em dois princípios: economia e garantia de segurança. Além do embelezamento da cidade, que deverá ter uma luminosidade melhor e harmônica. Mas, enquanto isso não...
  • 11/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    A política e o poder
    "Não gosto de política... gosto é do poder. Política, para mim, é um meio para chegar ao poder.” Quem disse isso foi o jornalista, deputado e governador da Guanabara Carlos Lacerda, que teve seu auge nos anos 50 e 60. E é isso o que mais vejo hoje. Lamentavelmente. Quem...
  • 08/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Desvios da barragem I
    O leitor sabe qual o principal motivo de não ter recomeçado a obra da barragem ou pelo menos aberto o novo processo de licitação? Porque a prestação de contas não fecha. Ou seja, além da prefeitura ter de devolver mais de R$ 4 milhões, sem correção, ao governo federal, por...
  • 04/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Crime e castigo
    Tem político que faz um benefício para a sociedade e se acha no direito de ser perdoado por todos os pecados. Não. Não é assim que deve ser, e não é.
    Crime é crime. Benefício social é benefício social. Uma coisa não tem nada a ver com a outra.

    Benefício e confusões
    Por...
  • 01/05/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Pedro e o filme
    É sempre constrangedor manter uma coluna em jornal e forçar a barra para falar de si. No entanto, é preciso que diga algumas coisas sobre o filme “Quando a Cultura Matou Pedro Wayne”, premiado como o melhor filme na mostra regional do 11º Festival Internacional de Cinema da...
  • 27/04/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Danúbio azul, verde, vermelho...
    Sempre que volto a insistir sobre o livro definitivo de Bagé é porque coisas acontecem na cidade. Importantes coisas. Domingo passado tivemos a triste notícia da morte de Danúbio Gonçalves. Daí vem aquela certeza que não conhecemos a nossa história nas artes....
  • 24/04/2019 - Papo de Elevador

    Papo de elevador

    Festival de Cinema
    O Festival Internacional de Cinema da Fronteira já começou. Em Livramento e Rivera. Amanhã, sexta e sábado é em Bagé. Tem filme de Espanha, Moçambique/Portugal, Canadá/Uruguai, filmes brasileiros e de produção gaúcha.
    A cultura de um novo olhar para o cinema é sempre...
Exibindo 1 a 10 de 85 resultados encontrados
  • Página de 9
Clique TV
OPERAÇÃO SÃO CRISTOVAN | POLÍCIA CIVIL BAGÉ
Assista também:
OPERAÇÃO EMBOSCADA | POLÍCIA CIVIL
Clique Social

Coluna Social

“Os ideais que iluminam o meu caminho são a bondade, a beleza e a verdade”
Albert Einstein
 
3Gurias: 10 anos de alta moda
Elas são sucesso!...

Notícias mais lidas do dia

Clique Horóscopo

Áries

Sol e vens continuam seu caminho unidos em leão ainda motivando seu coração. Lua e mercúrio em virgem melhoram as relações de trabalho e possibilitam acordos de negócios. planos e projetos em alta.

Touro

Mercúrio e lua em virgem e ainda seu regente unido ao sol em leão abrem espaços em sua vida para um novo amor entrar. Se já for comprometido, melhora sensivelmente seu relacionamento. Finanças em alta.

Gêmeos

Seu regente entra em virgem e sua capacidade intelectual e mental aumentam sensivelmente. A fase é ótima para rever assuntos relacionados à sua família ou a questões domesticas. Comunicação em alta.

Câncer

Venus e sol unidos em leão continuam trazendo benefícios à sua vida financeira. O momento é ótimo também para pequenas viagens e assuntos de trabalho relacionados à comunicação. Amor em fase neutra.

Leão

Venus e sol em seu signo continuam agindo positivamente em sua vida, especialmente a amorosa e financeira. Mercúrio unido à lua aumenta ainda mais as possibilidades de bons acordos de negócios e ganhos financeiros.

Virgem

Mercúrio e lua em seu signo melhoram o astral que anda meio baixo, com queda de energia. Procure relaxar e manter-se protegido de ambientes e pessoas carregadas. A fase é ótima para acordos comerciais e a comunicação.

Libra

Mercúrio e lua em virgem derrubam sua energia, apesar das demandas sociais. A fase é ótima para a reflexão e a meditação. Seu regente unido ao sol em leão abrem portas para novos contatos comerciais.

Escorpião

Mercúrio e lua em virgem mobilizam sua vida social e amizades neste período. Venus e sol unidos em leão ainda beneficiam sua carreira e vida profissional. A fase é ótima para a comunicação e novos contratos.

Sagitário

O sol e Venus em leão continuam ativando seus estudos e as viagens podem se tornar seu foco neste momento. Carreira e vida profissional em alta, com possibilidade de novos projetos ou propostas de trabalho.

Capricórnio

Mercúrio e lua em virgem aceleram seus projetos e planos futuros e assuntos relacionados a viagens longas e contato com estrangeiros. Fase de grande otimismo e espiritualidade renovada. Amor em alta.

Aquário

Venus e sol em leão continuam mobilizando contatos e parcerias e melhorando seus relacionamentos afetivos e de amizades. A fase é das melhores. Cuidado apenas para não se deixar levar por pensamentos negativos.

Peixes

O trabalho continua sendo beneficiado pela passagem de Venus e do sol pelo signo de leão. Mercúrio e lua em virgem mobilizam seus relacionamentos pessoais e parcerias comerciais. Amor em alta.