Bagé / RS, Sexta-feira, 26 de Maio de 2017
Siga-nos:

Colunistas

Elifas Simas | Porto Alegre/RS
Coluna: Opinião
Perfil: Presidente da Companhia Rio-grandense de Mineração - CRM.
Opinião

O carvão no drama da energia

Que a energia elétrica é o assunto mais pautado dos últimos meses todo mundo já sabe. De um lado o Governo Federal garante que não há riscos de apagão, afirmando que são apenas problemas pontuais de transmissão. Por outro lado, os níveis de água dos reservatórios continuam baixos e quedas de energia se tornaram constantes em diversos estados do país. 
Com este cenário, a geração térmica volta a ser pautada como salvação do problema. No entanto, os debates sobre este sistema de geração e sua ampliação na matriz nacional, estão voltados somente para as térmicas a gás natural. Gás este, que importamos de países como Argentina, Bolívia, entre outros, que eleva os custos de energia e que por sua vez, será pago pelo consumidor brasileiro.
Enquanto isso, o carvão mineral, que existe abundante em diversas regiões do país, permanece com apenas 1,5% de participação na matriz energética nacional.  Desde 2009 nenhum grande empreendimento deste tipo de termelétrica pode ser realizado em decorrência do carvão mineral não ter sido incluído nos últimos leilões de energia, por conta de compromissos ambientais assumidos pelo Brasil.
De fato ainda há, embora que em escala reduzida, emissão de poluentes na atividade das termoelétricas a carvão. Entretanto, levantamos a questão: ao invés de desconsiderar o carvão mineral como alternativa, não seria mais coerente, levando em conta os problemas energéticos, investir em tecnologias e pesquisas para tornar esta fonte energética cada vez mais sustentável?
Países como a Alemanha e os Estados Unidos, em que o carvão ocupa mais de 40% da geração de energia, já possuem tecnologias avançadas no controle de emissão de gases das usinas térmicas. Além disso, devemos lembrar que no Brasil a pecuária e o setor de transportes emitem bem mais CO² do que o setor energético, e nem por isso deixamos de comer carne e usarmos nossos veículos. O importante não é deixar de utilizar os recursos, mas usá-los com responsabilidade.
O Rio Grande do Sul, que depende de mais de 60% do fornecimento de energia de outros estados, disponibiliza de 90% das reservas de carvão identificadas do Brasil. Por que então temos que continuar importando gás, importando energia e deixando esta riqueza enterrada? Uma riqueza que, além de energia, geraria empregos e renda para os gaúchos.

* Presidente da Companhia Riograndense de Mineração (CRM)
 

Comente essa notícia
Clique TV
Delegada apresenta detalhes sobre investigação de morte de jornalista bageense
Confira trecho da coletiva de imprensa concedida na manhã de hoje, pela delegada Roberta Mariana Bertoldo da Silva, que expôs detalhes sobre a investigação da morte do jornalista bageense Tagliene...
Assista também:
Vídeo mostra acusado por morte de jornalista bageense momentos antes do crime
Clique Social

Coluna Social

“Ao comtemplar o semblante imaculado de Maria, tua alma ganhará asas para voar até o céu.”
MP
 
Maria Auxiliadora: mãe e protetora de todos os...

Notícias mais lidas do dia

Clique Horóscopo

Áries

Sol e vens continuam seu caminho unidos em leão ainda motivando seu coração. Lua e mercúrio em virgem melhoram as relações de trabalho e possibilitam acordos de negócios. planos e projetos em alta.

Touro

Mercúrio e lua em virgem e ainda seu regente unido ao sol em leão abrem espaços em sua vida para um novo amor entrar. Se já for comprometido, melhora sensivelmente seu relacionamento. Finanças em alta.

Gêmeos

Seu regente entra em virgem e sua capacidade intelectual e mental aumentam sensivelmente. A fase é ótima para rever assuntos relacionados à sua família ou a questões domesticas. Comunicação em alta.

Câncer

Venus e sol unidos em leão continuam trazendo benefícios à sua vida financeira. O momento é ótimo também para pequenas viagens e assuntos de trabalho relacionados à comunicação. Amor em fase neutra.

Leão

Venus e sol em seu signo continuam agindo positivamente em sua vida, especialmente a amorosa e financeira. Mercúrio unido à lua aumenta ainda mais as possibilidades de bons acordos de negócios e ganhos financeiros.

Virgem

Mercúrio e lua em seu signo melhoram o astral que anda meio baixo, com queda de energia. Procure relaxar e manter-se protegido de ambientes e pessoas carregadas. A fase é ótima para acordos comerciais e a comunicação.

Libra

Mercúrio e lua em virgem derrubam sua energia, apesar das demandas sociais. A fase é ótima para a reflexão e a meditação. Seu regente unido ao sol em leão abrem portas para novos contatos comerciais.

Escorpião

Mercúrio e lua em virgem mobilizam sua vida social e amizades neste período. Venus e sol unidos em leão ainda beneficiam sua carreira e vida profissional. A fase é ótima para a comunicação e novos contratos.

Sagitário

O sol e Venus em leão continuam ativando seus estudos e as viagens podem se tornar seu foco neste momento. Carreira e vida profissional em alta, com possibilidade de novos projetos ou propostas de trabalho.

Capricórnio

Mercúrio e lua em virgem aceleram seus projetos e planos futuros e assuntos relacionados a viagens longas e contato com estrangeiros. Fase de grande otimismo e espiritualidade renovada. Amor em alta.

Aquário

Venus e sol em leão continuam mobilizando contatos e parcerias e melhorando seus relacionamentos afetivos e de amizades. A fase é das melhores. Cuidado apenas para não se deixar levar por pensamentos negativos.

Peixes

O trabalho continua sendo beneficiado pela passagem de Venus e do sol pelo signo de leão. Mercúrio e lua em virgem mobilizam seus relacionamentos pessoais e parcerias comerciais. Amor em alta.